Mário Silva pede Santa Clara com “personalidade” em Guimarães

O treinador Mário Silva afirmou hoje que o Santa Clara tem de ter “personalidade” para enfrentar na sexta jornada da I Liga de futebol o Vitória de Guimarães, um “adversário muito pressionante” quando joga em casa.

Mário Silva pede Santa Clara com

Mário Silva pede Santa Clara com “personalidade” em Guimarães

O treinador Mário Silva afirmou hoje que o Santa Clara tem de ter “personalidade” para enfrentar na sexta jornada da I Liga de futebol o Vitória de Guimarães, um “adversário muito pressionante” quando joga em casa.

“Alerto, para que todos saibam, que vai ser um jogo de certeza absoluta difícil para nós, com um adversário muito pressionante em sua casa. É com isso que estamos claramente a contar”, declarou.

Mário Silva falava hoje em conferência de imprensa realizada no estádio de São Miguel, em Ponta Delgada, antes da deslocação a Guimarães, a contar para a sexta jornada do campeonato.

O treinador dos açorianos elogiou o treinador dos vimaranenses, Moreno, e alertou para as “dificuldades” do próximo encontro.

“É um treinador que conhece muito bem a casa, que incute a mística do Vitória de Guimarães. Por isso, acredito que vão ser uma equipa muito pressionante, com os adeptos a puxar por principio ao fim de forma apaixonante”, reforçou.

Nos últimos três jogos do campeonato, o Vitória de Guimarães somou derrotas com Sporting de Braga (2-1), Casa Pia (1-0) e Portimonense (2-1).

“O Vitória, apesar de neste momento vir de três derrotas consecutivas, tem tido jogos bem conseguidos, muito competitivos. Mesmo em jogos em que perdeu, teve a possibilidade de ter outro resultado”, ressalvou Mário Silva.

Por sua vez, o Santa Clara alcançou a primeira vitória na I Liga no domingo, na receção ao Marítimo (2-1).

“Temos de ser uma equipa com personalidade. Esperemos que esta vitória nos dê mais motivação ainda. Foi uma semana mais positiva”, assinalou o treinador.

Mário Silva prometeu uma “equipa competitiva”, mas avisou que o adversário “está a precisar de ganhar”.

 “Neste campeonato, os pontos estão muito difíceis nesta fase inicial. Há equipas que arrancam melhor, outras arrancaram menos bem. Mas de certeza absoluta que vai ser uma luta grande dentro do campo”, destacou.

O treinador dos açorianos reconheceu ter “várias opções” no plantel, o que contribui para a “competitividade entre jogadores” e permite apresentar diferentes “variáveis” táticas.

“Temos dores de cabeça para montar a equipa e para fazer convocatórias. A nossa tarefa não é nada fácil com as várias opções que neste momento temos para as várias posições da nossa equipa”, considerou.

O Santa Clara, 16.º classificado, com quatro pontos, vai defrontar o Vitória de Guimarães, 11.º, com seis, na sexta-feira, pelas 20:15, no estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães, em encontro da sexta jornada da I Liga portuguesa de futebol.

RPYP // PFO

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS