Juventus bate Lokomotiv com sofrimento, Manchester City goleia Atalanta

Dois golos do argentino Paulo Dybala em dois minutos deram a vitória à Juventus na receção ao Lokomotiv de Moscovo (2-1), na terceira jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões de futebol.

Juventus bate Lokomotiv com sofrimento, Manchester City goleia Atalanta

Juventus bate Lokomotiv com sofrimento, Manchester City goleia Atalanta

Dois golos do argentino Paulo Dybala em dois minutos deram a vitória à Juventus na receção ao Lokomotiv de Moscovo (2-1), na terceira jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões de futebol.

Em Turim, o número 10 argentino marcou, aos 77 e aos 79 minutos, para anular um primeiro golo de Myranchuk, aos 30, numa recarga a um remate de João Mário, titular e em bom plano, à semelhança de Éder.

Frente à equipa liderada por Cristiano Ronaldo, os moscovitas deram boa réplica defensiva e, depois de marcarem, foram defendendo como puderam a vantagem, perante poucas ideias no ataque da ‘Juve’.

Aos 77, o colombiano Cuadrado encontrou Dybala à entrada da área e o argentino fez um grande golo, com um remate em arco colocado, antes de ‘bisar’ na recarga a um remate do brasileiro ex-FC Porto Alex Sandro.

Os italianos lideram o grupo D, com sete pontos, os mesmos do Atlético de Madrid, que hoje venceu por 1-0 em casa o Bayer Leverkusen, com um golo de Morata, com os russos a terem três e os alemães ainda sem pontos.

À mesma hora, o Manchester City começou a perder mas acabou a golear sem problemas a Atalanta, no grupo do Shakhtar de Luís Castro, que antes tinha empatado a duas bolas na receção ao Dínamo de Zagreb.

O ucraniano Malinovsky abriu o marcador para os italianos de penálti, aos 28, mas um ‘bis’ do argentino Aguero, aos 34 e 38, este também de grande penalidade, deram a volta ainda antes do intervalo.

No segundo tempo, quem ‘brilhou’ foi Sterling com um ‘hat-trick’ aos 58, 64 e 69, antes da entrada de João Cancelo, aos 71, e da expulsão de Foden, aos 83, num jogo em que Bernardo Silva não saiu do banco.

Os ‘citizens’ reforçaram a liderança do grupo C, com nove pontos, enquanto Dínamo e Shakhtar têm quatro pontos e a Atalanta ainda não pontuou.

O Tottenham, finalista da edição anterior, ‘curou’ a goleada sofrida com o Bayern de Munique (7-2), na jornada anterior, com uma ‘mão cheia’ aplicada em Londres ao Estrela Vermelha, com o trio de ataque em destaque.

Kane e o sul-coreano Son bisaram na partida, enquanto o argentino Erik Lamela somou um golo a duas assistências, num jogo de sentido único. No outro jogo do grupo, o Olympiacos de Pedro Martins ainda ‘assustou’ o Bayern de Munique.

Com José Sá, Rúben Semedo e Daniel Podence titulares, El Arabi fez, de cabeça, o primeiro golo do jogo, aos 23, mas o polaco Lewandowski empatou aos 34, antes de ‘bisar’ aos 62.

Tolisso fez o 3-1, aos 75, mas o brasileiro Guilherme ainda reduziu, aos 79, o que foi insuficiente para evitar a derrota (2-3). Os alemães continuam em pleno na ‘poule’ B, com nove pontos. O Tottenham tem quatro, o Estrela Vermelha três e o Olympiacos um.

No grupo A, o Paris Saint-Germain foi à Bélgica golear o Club Brugge por 5-0, com um ‘hat-trick’ de Mbappé e dois golos do argentino Icardi, numa partida em que o ex-Benfica fez três assistências.

Na Turquia, o Real Madrid valeu-se de um golo do alemão Toni Kroos, a passe do belga Hazard, e de uma exibição ‘de gala’ do também belga Courtois na baliza, vencendo pela margem mínima o Galatasaray.

Os franceses têm o pleno de nove pontos, antes de o grupo ‘virar’, seguido dos ‘merengues’, com quatro, do Club Brugge, com dois, e do ‘Gala’, com um.

SIF // VR

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS