José Fonte marca no empate caseiro do Lille, de Paulo Fonseca, diante do Rennes

O defesa internacional português José Fontes estreou-se hoje a marcar em 2022/23, ao contribuir para o empate entre Lille, comandado por Paulo Fonseca, e Rennes (1-1), em partida da 14.ª jornada do campeonato francês de futebol.

José Fonte marca no empate caseiro do Lille, de Paulo Fonseca, diante do Rennes

José Fonte marca no empate caseiro do Lille, de Paulo Fonseca, diante do Rennes

O defesa internacional português José Fontes estreou-se hoje a marcar em 2022/23, ao contribuir para o empate entre Lille, comandado por Paulo Fonseca, e Rennes (1-1), em partida da 14.ª jornada do campeonato francês de futebol.

Na sequência de um canto cobrado pelo luso-britânico Angel Gomes, que representou o Boavista na época 2020/21, o capitão dos ‘dogues’ aproveitou uma defesa incompleta do guarda-redes Steve Mandanda para abrir o marcador na pequena área, aos 16 minutos.

José Fonte, que está na lista de 55 pré-convocados do selecionador português Fernando Santos para o Mundial2022, já não ‘faturava’ desde fevereiro de 2021, mas veria essa vantagem ser anulada por Benjamin Bourigeaud, de grande penalidade, aos 58 minutos.

Com Tiago Djaló a tempo inteiro e André Gomes a sair aos 44 minutos, por lesão, o Lille mantém-se em sétimo, com 23 pontos, falhando o regresso às vitórias diante do Rennes, terceiro, com 28, que incluiu no ‘onze’ inicial Xeka, ex-atleta do clube de Paulo Fonseca.

O emblema da Bretanha acabou em inferioridade numérica, por expulsão do norueguês Birger Meling, mas segue num ciclo de 16 jogos sem perder nas várias provas, podendo defrontar o Sporting no ‘play-off’ da Liga Europa, que vai ser sorteado na segunda-feira.

O dia principiou com um triunfo sofrido do líder Paris Saint-Germain em Lorient, por 2-1, sentenciado pelo internacional luso Danilo Pereira a nove minutos do fim, que ajudou a manter cinco pontos de avanço para o ‘vice’ Lens, vencedor no sábado em Angers (2-1).

Um golo do nigeriano Terem Moffi (53 minutos) ainda colocou em dúvida a quarta vitória seguida dos parisienses na prova, que se adiantaram pelo brasileiro Neymar (nove), cujo 11.º golo permitiu igualar o colega de equipa Kylian Mbappé na dianteira dos ‘artilheiros’.

O Paris Saint-Germain, que na quarta-feira perdeu o primeiro lugar do Grupo H da Liga dos Campeões para o Benfica, chamou ao ‘onze’ Danilo Pereira, Nuno Mendes, Vitinha, todos substituídos ao longo da partida, na qual Renato Sanches entrou aos 67 minutos.

O campeão francês chegou aos 38 pontos, mais 11 do que o Lorient, que não vence há quatro rondas e se deixou apanhar no ‘top 4’ pelo Mónaco, vencedor em Toulouse (2-0), graças aos golos do russo Aleksandr Golovin (46 minutos) e do suíço Breel Embolo (60).

Gelson Martins foi suplente não utilizado pelo clube do Principado, outros dos possíveis opositores do Sporting na Liga Europa, que fugiu provisoriamente do Marselha, anfitrião do Lyon a partir das 19:45 de hoje, enquanto o Toulouse desceu a 12.º, com 16 pontos.

Com essa pontuação passou a estar o Reims, 11.º, ao beneficiar de um penálti marcado pelo inglês Folarin Balogun (83 minutos) para derrotar o Nantes (1-0), mais um eventual adversário dos ‘leões’, que ‘caiu’ para 16.º, com 12, um acima das posições de descida.

Na zona perigosa da tabela segue o Brest, 19.º, com 10 pontos, que utilizou o português Mathias Pereira Lage desde os 64, 10 minutos depois de Gaëtan Laborde ter decidido o marcador a favor do Nice (1-0), nono, com 19 pontos e uma série invicta de cinco jogos.

O derradeiro dia da 14.ª jornada da Ligue 1, penúltima antes da inédita paragem para o Mundial2022, ofereceu também uma igualdade entre Clermont e Montpellier (1-1), com Téji Savanier a adiantar os visitantes (10 minutos), privados do defesa internacional luso Pedro Mendes, devido a lesão, e com Matis Carvalho remetido ao banco de suplentes.

O empate dos anfitriões apareceu de penálti pelo sérvio Komnen Andric (62 minutos), já depois de ter falhado outro castigo máximo, como sucedeu a Grejohn Kyei na segunda parte, deixando o Clermont em 10.º, com 19 pontos, mais seis face ao Montpellier, 14.º.

RYTF // AJO

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS