Jornalista norte-americana suspensa após publicação sobre Kobe Bryant

Após o post no Twitter, a jornalista revelou estar a ser alvo de ameaças de morte. O Washington Post ter-lhe-à pedido para apagar os posts e posteriormente anunciou a suspensão da jornalista.

Jornalista norte-americana suspensa após publicação sobre Kobe Bryant

Após o post no Twitter, a jornalista revelou estar a ser alvo de ameaças de morte. O Washington Post ter-lhe-à pedido para apagar os posts e posteriormente anunciou a suspensão da jornalista.

Felicia Sonmez,  jornalista do Washington Post foi suspensa esta semana, após divulgar nas redes sociais um artigo de 2016 sobre Kobe Bryant que fala sobre os alegados abusos sexuais que o atleta cometeu. O artigo refere-se a um caso ocorrido em 2003, no início da carreira,  eKobe Bryant foi acusado de abusos sexuais por uma jovem de 19 anos, funcionária de um hotel. A julho de 2003, o basquetebolista entregou-se à polícia, pagou uma fiança no ordem dos 25 mil dólares e foi libertado no mesmo dia. O processo acabaria por não avançar avançou porque a alegada vítima recusou-se a testemunhar em tribunal.

O basquetebolista negou as acusações, mas mais tarde pediu desculpa e fez um acordo fora do tribunal.

O artigo inclui várias entrevistas de 2003, tanto a polícias, como à alegada vítima e ao basquetebolista. A jornalista não escreveu o artigo e partilhou-o numa altura em que os fãs choram a morte do  basquetebolista norte-americano.

Após o post no Twitter, a jornalista revelou estar a ser alvo de ameaças de morte. O Washington Post ter-lhe-à pedido para apagar os posts e posteriormente anunciou a suspensão da jornalista. Agora, deverão avaliar se as publicações violaram a política da empresa.

Segundo o Guardian, o jornal norte-americano considerou que a partilha de Felicia Sonmez, de um artigo do Daily Beast de 2016, foi “falta de bom senso” e algo que prejudicou o trabalho dos seus colegas.

 

Kobe Bryant e a filha de 13 anos, Gianna, estão entre as nove vítimas mortais da queda de um helicóptero, no passado domingo.

Texto: Marta Amorim | Fotos: DR

Impala Instagram


RELACIONADOS