Japão despede selecionador Vahid Halilhodzic e nomeia Akita Nishino

Japão despede selecionador Vahid Halilhodzic e nomeia Akita Nishino

O treinador bósnio Vahid Halilhodzic foi hoje despedido do comando técnico da seleção japonesa de futebol, e será substituído por Akita Nishino, responsável técnico da federação nipónica.

Tóquio, 09 abr (Lusa) — O treinador bósnio Vahid Halilhodzic foi hoje despedido do comando técnico da seleção japonesa de futebol, e será substituído por Akita Nishino, responsável técnico da federação nipónica.


A federação de futebol do Japão explica que opção por Akita Nishino, um treinador experiente da liga japonesa, se deve ao facto de ser uma figura da estrutura e com grande conhecimento do grupo.


“É a pessoa mais adequada para dirigir a equipa, até porque estamos a pouco mais de dois meses do Mundial”, disse o presidente da federação japonesa de futebol em conferência de imprensa.


Kozo Tashima explicou que a saída de Halilhodzic “foi pensada durante muito tempo”, mas motivada sobretudo pelos resultados dos recentes encontros particulares de preparação para o Mundial2018, que se disputa na Rússia entre 14 de junho e 15 de julho.


Nos dois últimos encontros, disputados no final de março, o Japão empatou a um golo com o Mali e perdeu por 2-1 com a Ucrânia.


Segundo a imprensa japonesa, na origem da saída de Halilhodzic estarão também as “más relações com os jogadores”.


O bósnio Vahid Halilhodzic assumiu o comando técnico da seleção japonesa em março de 2015, substituindo no cargo o mexicano Javier Aguirre, tendo garantido um lugar no Mundial com um registo de seis vitórias, duas derrotas e dois empates.


O Japão, que está integrado no Grupo H do Mundial, estreia-se na competição a 19 de junho frente à Colômbia, jogando depois com o Senegal e a Polónia.



AO // JP

By Impala News / Lusa


RELACIONADOS

Japão despede selecionador Vahid Halilhodzic e nomeia Akita Nishino

O treinador bósnio Vahid Halilhodzic foi hoje despedido do comando técnico da seleção japonesa de futebol, e será substituído por Akita Nishino, responsável técnico da federação nipónica.