Fundo norte-americano RedBird adquire AC Milan por 1,2 mil milhões de euros

O fundo norte-americano RedBird concluiu a aquisição do AC Milan por 1,2 mil milhões de euros, informou hoje o campeão italiano de futebol, que pertence, desde 2018, à Elliott Management, outro fundo dos Estados Unidos.

Fundo norte-americano RedBird adquire AC Milan por 1,2 mil milhões de euros

Fundo norte-americano RedBird adquire AC Milan por 1,2 mil milhões de euros

O fundo norte-americano RedBird concluiu a aquisição do AC Milan por 1,2 mil milhões de euros, informou hoje o campeão italiano de futebol, que pertence, desde 2018, à Elliott Management, outro fundo dos Estados Unidos.

“A RedBird Capital Partners (“RedBird”) anunciou hoje que concluiu a aquisição da Associazione Calcio Milan (“AC Milan”, “Milan” ou “clube”) por Euro 1,2 mil milhões”, pode ler-se no comunicado divulgado pelo emblema milanês na Internet. A RedBird está presente no mundo desportivo na América do Norte, mas já atua na Europa através de uma participação minoritária no clube inglês Liverpool, sendo que controla desde 2020 o Toulouse, recém-promovido à Liga francesa.

O fundador e sócio-gerente da RedBird, em declarações reproduzidas pelo AC Milan, deu conta dos objetivos e da visão que tem para o clube se manter no topo. “A nossa visão para o Milan é clara: apoiaremos os nossos talentosos jogadores, treinadores e funcionários para obter sucesso em campo e permitir que os nossos adeptos compartilhem as experiências extraordinárias deste clube histórico”, expressou Gerry Cardinale.

O Fundador acrescenta que irá “procurar alavancar a rede global de desportos e media, a experiência em análise, o histórico do clube no desenvolvimento de estádios desportivos e hospitalidade, de forma a alcançar o objetivo de manter o Milan num lugar no topo do futebol europeu e mundial”.

Impala Instagram


RELACIONADOS