Francisco J. Marques reage à decisão no e-Toupeira: «Crime é desmascarar criminosos»

Diretor de comunicação do FC Porto recorreu às redes sociais parra reagir à decisão do Tribunal da Relação em absolver a Benfica SAD no processo.

Francisco J. Marques reage à decisão no e-Toupeira: «Crime é desmascarar criminosos»

Francisco J. Marques reage à decisão no e-Toupeira: «Crime é desmascarar criminosos»

Diretor de comunicação do FC Porto recorreu às redes sociais parra reagir à decisão do Tribunal da Relação em absolver a Benfica SAD no processo.

O Benfica ficou, esta quarta-feira, a saber que não se irá sentar no banco dos réus no julgamento por causa do processo e-Toupeira, uma vez que o juíz considerou que a SAD Encarnada não teria cometido qualquer crime que lhe pudesse ser atribuído. Através das redes sociais, Francisco J. Marques comentou a decisão com recurso a ironia.

«Quando alguém corrompe alguém em benefício de ninguém. Em Portugal, pelos vistos, crime é desmascarar criminosos», pode ler-se na publicação no Twitter.

O Tribunal da Relação de Lisboa (TRL) decidiu hoje não levar a julgamento a SAD do Benfica no âmbito do processo ‘e-toupeira’, mantendo a decisão instrutória da juíza Ana Peres, do Tribunal Central de Instrução Criminal. «Não merece provimento o recurso do Ministério Público e do assistente Perdigão na parte em que pretendiam a pronúncia [julgamento] da Benfica SAD como coautora de todos os crimes imputados», referiu uma fonte do TRL à agência Lusa.

Texto: Joana Ferreira com Lusa

LEIA MAIS

Mãe de Angélico insiste que filho guiava carro em mau estado

Uber corta mais de 400 postos de trabalho

Previsão do tempo para quinta-feira, 12 de setembro

 

 

Impala Instagram


RELACIONADOS