Estrela da NFL acusada de agressão e assédio sexual por 22 mulheres

Deshaun Watson, uma das grandes estrelas da NFL, está a ser acusado de agressão e assédio sexual por 22 mulheres deram massagens ao jogador.

Estrela da NFL acusada de agressão e assédio sexual por 22 mulheres

Estrela da NFL acusada de agressão e assédio sexual por 22 mulheres

Deshaun Watson, uma das grandes estrelas da NFL, está a ser acusado de agressão e assédio sexual por 22 mulheres deram massagens ao jogador.

Deshaun Watson é uma das grandes estrelas da NFL, que é considero o melhor campeonato de futebol americano do mundo. E prova disso é o contrato que acaba de assinar com os Cleveland Browns, que fará com que a sua conta bancária aumente em qualquer coisa como 210 milhões de euros. Só que este momento está a ser ensombrado por uma polémica que envolve acusações de agressão e assédio sexual.

Meia maratona de Lisboa ambiciona recorde do mundo na 31.ª edição
A 31.ª edição da meia maratona de Lisboa, já com as inscrições esgotadas, terá prémios de 50.000 euros para novos recordes mundiais na distância, anunciou hoje a organização, que “aposta” num novo máximo feminino.

O atleta está a ser processado por 22 mulheres que o acusam de agressão e assédio sexual. Os alegados factos terão ocorrido entre 2022 e o início de 2021. Sempre durante sessões de massagens. Entre as alegações está o facto de Deshaun Watson “não querer cobrir os genitais” durante as mesmas. “As massagistas acusam-no de lhes tocar com o pénis e tentar forçar a fazer sexo oral”, cita o jornal espanhol Marca.

“Sei que são acusações muito sérias”

O processo levou a juíza Rabeea Sultan Collier a solicitar o historial de massagens recebidas pelo jogador desde 2019. Bem como todos os pedidos que terá efetuado. Foi na apresentação pelo novo clube que Deshaun Watson foi questionado sobre as acusações. “Sei que são acusações muito sérias. As coisas que estão a acontecer fora de campo estão a apanhar-me desprevenido. Nunca fiz nada do que essas pessoas alegam”, diz. O jornal salienta ainda que 18 massagistas já assinaram um documento em defesa do atleta.

Texto: Bruno Seruca: Fotos: Reprodução Instagram

Impala Instagram


RELACIONADOS