E-toupeira. José Augusto Silva sai da prisão com pulseira electrónica

O funcionário judicial era o único suspeito em prisão preventiva desde maço. É suspeito de falsidade informática e violação do segredo de justiça

E-toupeira. José Augusto Silva sai da prisão com pulseira electrónica

E-toupeira. José Augusto Silva sai da prisão com pulseira electrónica

O funcionário judicial era o único suspeito em prisão preventiva desde maço. É suspeito de falsidade informática e violação do segredo de justiça

José Augusto Silva, funcionário judicial do Benfica, vai sai em liberdade, segundo avança o Correio da Manhã.  O funcionário judicial era suspeito de passar informações ao Benfica. A SAD do Benfica é também uma das arguidas do processo.

Vai sair com pulseira eletrónica porque o juiz considerou que a sua libertação não prejudica a investigação.

Terá acedido ilegalmente a 26 processos no CITIUS, usando credenciais de duas funcionárias do tribunal de Fafe e de Ana Paula Vitorino, Procuradora da República.

LEIA MAIS: E-toupeira: Defesa da SAD do Benfica diz que acusação assenta em “deduções genéricas”

Impala Instagram


RELACIONADOS