Doncic com ‘triplo-duplo’ inédito na reviravolta histórica dos Mavericks na NBA

O esloveno Luka Doncic liderou os Dallas Mavericks numa reviravolta história sobre os New York Knicks, na vitória por 126-121 (após prolongamento), com 60 pontos, 21 ressaltos e 10 assistências, ‘triplo-duplo’ inédito na Liga Norte-americana de Basquetebol (NBA).

Doncic com 'triplo-duplo' inédito na reviravolta histórica dos Mavericks na NBA

Doncic com ‘triplo-duplo’ inédito na reviravolta histórica dos Mavericks na NBA

O esloveno Luka Doncic liderou os Dallas Mavericks numa reviravolta história sobre os New York Knicks, na vitória por 126-121 (após prolongamento), com 60 pontos, 21 ressaltos e 10 assistências, ‘triplo-duplo’ inédito na Liga Norte-americana de Basquetebol (NBA).

O poste dos Mavericks tornou-se na terça-feira o primeiro jogador da mais importante liga mundial de basquetebol a atingir 60 pontos e 20 ressaltos num ‘triplo-duplo’ (atingir a dezena em três dados estatísticos), num encontro que os anfitriões perdiam por nove pontos a 33,9 segundos do fim do tempo regulamentar.

Doncic falhou propositadamente o derradeiro lance livre, a fim de proporcionar aos colegas de equipa o ressalto e uma concretização que levasse a partida para o prolongamento, mas foi o próprio esloveno a mostrar-se mais decidido e a conquistá-lo, estabelecendo o empate 115-115.

O poste marcou 18 do total de 60 pontos no quarto período e sete no tempo extra, estabelecendo novo recorde de pontos marcados por um jogador dos Mavericks, superando os 53 de Dirk Nowitzki em 2004, apenas dois dias depois de os Mavericks terem inaugurado uma estátua do jogador alemão à entrada do pavilhão.

“Estamos todos ainda em choque. A história do jogo é escrita pelos jogadores e voltou a ser escrita esta noite por um jogador — Luka — que fez algo que nunca ninguém tinha feito”, desabafou o treinador da equipa da casa, Jason Kidd.

Com um novo máximo pessoal de pontos e ressaltos, Doncic protagonizou a atuação mais notável de uma carreira recheada de proezas, contribuindo para um registo coletivo dos Mavericks sem paralelo nos últimos 20 anos na NBA: as equipas que perdiam por, pelo menos, nove pontos a 35 segundos do fim tinham um registo de zero vitórias e 13.884 derrotas.

RPC // NFO

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS