Diogo Jota volta a marcar em nova vitória do Liverpool na ‘Premier League’

Diogo Jota marcou hoje um dos golos da vitória do Liverpool por 3-1 sobre o Newcastle, na 17.ª jornada da liga inglesa de futebol, mantendo assim forte pressão sobre o Manchester City, que continua líder por um ponto.

Diogo Jota volta a marcar em nova vitória do Liverpool na 'Premier League'

Diogo Jota volta a marcar em nova vitória do Liverpool na ‘Premier League’

Diogo Jota marcou hoje um dos golos da vitória do Liverpool por 3-1 sobre o Newcastle, na 17.ª jornada da liga inglesa de futebol, mantendo assim forte pressão sobre o Manchester City, que continua líder por um ponto.

Quem ‘descola’ um pouco dos lugares da frente é o Chelsea, que cedeu um empate 1-1 na receção ao Everton, ficando a quatro pontos dos ‘citizens’.

O Leicester-Tottenham, também agendado para hoje, foi adiado devido ao elevado número de casos de coronavírus nos clubes, no que é já o quinto jogo que fica por disputar, no espaço de uma semana.

Vencedor por 7-0 do Leeds terça-feira, o Manchester City teve hoje uma resposta à altura por parte do Liverpool, que em Anfield construiu uma vitória indiscutível, apesar de ter estado inicialmente em desvantagem.

Jonjo Shalvey colocou a formação visitante na frente, logo aos sete minutos, o que ‘espicaçou’ o Liverpool, que partiu logo para o ataque continuado, postura que rendeu dois golos ainda antes do intervalo.

Aos 21 minutos, Diogo Jota fez o seu nono golo na competição, subindo ao segundo lugar na lista de marcadores.

A liderança é do seu companheiro de ataque nos ‘reds’ Mohamed Salah, que também ‘faturou’, aos 25, totalizando o egípcio já 15 golos.

O Liverpool, com Jordan Handerson muito bem no meio-campo em termos de coberturas e distribuição, e com Konaté impecável na defesa, era a equipa mais forte em campo, mas só chegou ao terceiro golo a três minutos do fim, com um ‘tiro’ de Trent Alexander-Arnold.

Com este triunfo, o Liverpool passa a ter seis jogos consecutivos a ganhar, no campeonato.

Em Stamdord Bridge, o Chelsea, campeão europeu, foi surpreendido pelo Everton, 14.º classificado apenas, que lhe impôs um empate a um golo.

Mason Mount marcou para o Chelsea, aos 70 minutos, e Jarrad Branthwaite para a equipa de Liverpool, aos 74.

Mais cedo, soube-se que os jogos Leicester-Tottenham e o Manchester United-Brighton, marcado para sábado, foram adiados devido ao aumento de casos de Covid-19 nos clubes.

Passa assim para cinco o número de encontros da prova que foram adiados na última semana por causa de surtos do coronavírus, os mais recentes no Leicester, do português Ricardo Pereira, e no Manchester United, de Diogo Dalot, Bruno Fernandes e Cristiano Ronaldo.

Primeiro, a ‘Premier League’ confirmou o adiamento do Leicester City-Tottenham, devido ao número insuficientes de jogadores nos ‘foxes’, e, minutos mais tarde, foi a vez do Manchester United anunciar que o duelo com o Brighton, em Old Trafford, também não se iria realizar na data inicialmente estipulada.

FB // VR

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS