Covid-19: Portimonense quer voltar a competir e assegurar manutenção na I Liga

O Portimonense quer voltar a competir para mostrar que merece um lugar na I Liga portuguesa de futebol, afirmou o hoje o treinador do 17.º e penúltimo classificado do campeonato.

Covid-19: Portimonense quer voltar a competir e assegurar manutenção na I Liga

Covid-19: Portimonense quer voltar a competir e assegurar manutenção na I Liga

O Portimonense quer voltar a competir para mostrar que merece um lugar na I Liga portuguesa de futebol, afirmou o hoje o treinador do 17.º e penúltimo classificado do campeonato.

“Na nossa cabeça só está competir para conseguir os pontos que estamos necessitados” afirmou Paulo Sérgio, em declarações divulgadas na página oficial do clube.

Para o treinador, é essencial “dar aos adeptos a alegria que é manter o clube do seu coração na I Liga”, apesar das condicionantes de um regresso após uma paragem tão prolongada.

As quarto semanas de trabalho com jogadores só permitiu fazer “metade da habitual preparação de pré-época” o período de férias, algo bem diferente do que classificou como “paragem de 60 dias no sofá”, devido à pandemia de covid-19.

Paulo Sérgio congratulou o grupo pela “dedicação e aplicação” na busca da melhor condição física e entendimento técnico num “trabalho que tem sido duro e árduo”.

O Portimonense recebe o Gil Vicente no dia 03 de junho, às 19:00, naquele que é o primeiro jogo da I Liga depois da suspensão devido à pandemia provocada pelo novo coronavírus.

O técnico mostrou-se satisfeito por poder disputar os jogos em falta em casa, em Portimão, “onde é sempre mais confortável, mesmo sem público”, uma restrição que o técnico disse “não entender”.

Paulo Sérgio realçou que a maioria dos clubes da I Liga “precisa de mais pessoas nos estádios”, que, “com capacidade para 10 ou 12 mil pessoas, poderiam manter os 2.000 habituais”, até porque esse número permite “dividi-los pelo espaço livre, ainda mais sendo algo em espaço aberto”.

“Quando se está a falar em abrir cinemas e teatros em salas fechadas, onde se vai intercalar as pessoas em cadeiras, porque não se faz o mesmo nos estádios de futebol e se retira o sal e a pimenta do jogo”, questionou.

Após 24 jornadas, o Portimonense ocupa o 17.° e penúltimo posto da classificação, com 16 pontos, a seis do Paços de Ferreira, a primeira equipa acima da ‘linha de água’ e com mais três do que o último, o Desportivo das Aves.

PYD // JP

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS