César Peixoto quer um “Paços forte” na receção a um Boavista “competente”

O treinador César Peixoto disse hoje querer que o Paços de Ferreira volte a “ser forte”, procurando fazer da Mata Real “uma fortaleza” na receção ao Boavista, “uma equipa competitiva”, na 19.ª jornada da I Liga de futebol.

César Peixoto quer um

César Peixoto quer um “Paços forte” na receção a um Boavista “competente”

O treinador César Peixoto disse hoje querer que o Paços de Ferreira volte a “ser forte”, procurando fazer da Mata Real “uma fortaleza” na receção ao Boavista, “uma equipa competitiva”, na 19.ª jornada da I Liga de futebol.

 “As expectativas são sempre as melhores, queremos fazer da nossa casa uma fortaleza e voltar a ser fortes em casa. O Boavista é competitivo e uma equipa muito organizada. Espero dificuldades e uma primeira parte, se calhar, mais tática, numa altura em que temos de encarar cada jogo como se fosse uma final”, disse César Peixoto, na conferência de antevisão ao jogo de sexta-feira.

A unidade de trabalho foi esta semana mais curta, limitando o trabalho dos jogadores mais utilizados quase a aspetos táticos e a recuperação, o que abriu espaço no treino a alguns atletas mais jovens. O técnico disse ser uma prática comum no Paços.

“Durante a semana, muitos ‘miúdos’ vão tendo uma janela aberta e treinam connosco. Algumas lesões também têm facilitado essa oportunidade, mas, se a oportunidade surgir, não tenho problemas em utilizá-los na principal equipa”, sublinhou.

César Peixoto admitiu, por outro lado, que a curta diferença pontual entre as equipas que lutam por agora pela permanência pode “condicionar” jogadores e equipas, apontando as primeiras partes mais táticas como uma das consequências.

“Tento que isso não aconteça no Paços, mas, às vezes, há mérito dos adversários e o intervalo também nos tem permitido corrigir algumas coisas e melhorar depois. O mais importante é darmos sequência e conseguirmos ter dois ou três jogos bons seguidos”, concluiu.

Flávio Ramos, que esta semana fraturou o perónio, juntou-se na lista de lesionados ao guarda-redes Jordi e aos defesas Jorge Silva e João Vigário. André Ferreira e Luís Bastos testaram positivo ao coronavírus e também vão falhar a receção ao Boavista, um jogo em que César Peixoto já deverá contar com Fernando Fonseca, recuperado de uma indisposição que o afastou do jogo em Famalicão (0-0), na última jornada.

Na tabela, Boavista e Paços somam 18 pontos, ocupando o 10.º e 11.º lugares, respetivamente.

 As duas equipas defrontam-se na sexta-feira, no estádio Capital do Móvel, às 21:15, num jogo que terá arbitragem de Manuel Oliveira, da associação do Porto.

 

CYA // AMG

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS