César Peixoto quer Paços de Ferreira dominador frente ao Marítimo

O treinador César Peixoto deu hoje conta de uma equipa do Paços de Ferreira “motivada” para a receção ao Marítimo, acreditando numa atitude “dominadora” e “proativa” no jogo da 29.ª jornada da I Liga de futebol, no sábado.

César Peixoto quer Paços de Ferreira dominador frente ao Marítimo

César Peixoto quer Paços de Ferreira dominador frente ao Marítimo

O treinador César Peixoto deu hoje conta de uma equipa do Paços de Ferreira “motivada” para a receção ao Marítimo, acreditando numa atitude “dominadora” e “proativa” no jogo da 29.ª jornada da I Liga de futebol, no sábado.

“O Marítimo tem feito mais pontos fora do que em casa, mas eu prefiro jogar em casa. É importante que os adeptos venham e criem uma espécie de ‘inferno amarelo’ frente a uma equipa com algumas dinâmicas interessantes e ofensiva na frente. Espero um jogo muito difícil, mas temos sido fortes em casa, espero dominar e que sejamos proativos no jogo”, disse César Peixoto, na antevisão ao jogo.

 O técnico pacense disse conhecer ao pormenor a formação insular, insistindo na ideia de que será, mais uma vez, “um jogo do rato e do gato” em matéria de estratégias, e confirmou que o foco continua a ser jogo a jogo, regressando, por instantes, ao anterior, em Alvalade frente ao campeão Sporting (derrota por 2-0).

“Fizemos um bom jogo. Há muito tempo que o Sporting não era assobiado em Alvalade e isso aconteceu por mérito nosso, mas faltou-nos ser mais incisivos na frente, mérito também da linha defensiva do Sporting. A equipa está motivada, vamos trabalhar em cima disso e voltar a ser agressivos na frente”, referiu César Peixoto, para quem o lance que originou a grande penalidade “deixa muitas dúvidas, como toda a gente viu”.

Do jogo em Alvalade resultaram também duas baixas: Nico Gaitán não recuperou da pancada sofrida no joelho e o Paços também não conseguiu a despenalização do amarelo a Antunes, que será substituído frente ao Marítimo por Luís Bastos.

“O Antunes não foi despenalizado, o Luís Bastos já o substituiu e vai fazê-lo de novo. Tenho muita confiança nele e merece a oportunidade. Em relação ao Gaitán, tem um problemazinho que o vai fazer parar, mas ainda não sabemos por quanto tempo. É um jogador superlativo, capaz de desbloquear os jogos, mas a equipa também suportou o tempo até ele chegar”, explicou.

Em contrapartida, César Peixoto já vai poder contar com Luiz Carlos, após castigo, e Denilson Júnior, recuperado de um problema físico.

Na classificação, Paços, nono classificado, e Marítimo, oitavo, somam os mesmos 33 pontos. As duas equipas defrontam-se no estádio Capital do Móvel, no sábado, às 15:30, num jogo que terá arbitragem de Hugo Silva, da associação de Santarém.

 

CYA // AMG

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS