Cabo Verde realiza “festival no sofá” para angariar fundos para seleção de andebol

A Federação Cabo-verdiana de Andebol vai juntar vários artistas nacionais para um “festival no sofá” em 26 e 27 de dezembro, para angariar fundos para a seleção, que em janeiro joga o mundial da modalidade no Egito.

Cabo Verde realiza

Cabo Verde realiza “festival no sofá” para angariar fundos para seleção de andebol

A Federação Cabo-verdiana de Andebol vai juntar vários artistas nacionais para um “festival no sofá” em 26 e 27 de dezembro, para angariar fundos para a seleção, que em janeiro joga o mundial da modalidade no Egito.

“Este evento visa promover a contínua mobilização de todos para apoiar a federação e a seleção nesta grande missão do nosso país”, anunciou o Instituto do Desporto e da Juventude (IDJ) cabo-verdiano, em comunicado.

O festival de dois dias vai ser transmitido na página do Facebook “Cabo Verde no Mundial”, criada para promover a participação da seleção na 27ª edição do Campeonato do Mundo de Andebol, em janeiro de 2021, no Egito.

O IDJ referiu que a seleção está na reta final de preparação para o evento desportivo, que pela primeira vez conta com a participação de 32 equipas, sendo que a seleção de Cabo Verde se qualificou pela primeira vez.

“Faltam quatro dias para o início do segundo estágio da nossa seleção, em Portugal, com a participação de todos os atletas selecionados para esta última fase de preparação para o Mundial”, prosseguiu o instituto cabo-verdiano.

O primeiro estágio da seleção de andebol de Cabo Verde em Portugal, que aconteceu em início de novembro, ficou marcado pela recusa de vistos a três dos atletas residentes no arquipélago, num caso que motivou muitas reações no país e no estrangeiro.

Na mesma nota, o IDJ destacou o “alinhamento institucional” de parceiros públicos e privados, que demonstraram união para ultrapassar os desafios e reunir todas as condições para uma representação de qualidade da seleção no mundial.

Esta é a primeira vez que uma modalidade coletiva em Cabo Verde consegue qualificar-se para o maior palco do desporto internacional da sua modalidade.

“A participação da seleção nacional sénior masculina no Mundial de andebol é um feito histórico, a todos os níveis, no desporto nacional. E a nossa participação, por si só, é algo que nos deve orgulhar a todos”, enfatizou o instituto.

“Estamos de parabéns e a seleção e os nossos campeões merecem todo o apoio da Nação, de todos os cabo-verdianos, sem exceção. Por isso, todos são chamados a apoiar a nossa??????? seleção”, pediu a mesma fonte.

O campeonato do mundo de andebol vai decorrer no Egito de 14 a 31 de janeiro próximo.

A seleção cabo-verdiana integra o Grupo A, juntamente com Hungria, que vai ser o adversário de estreia, a Alemanha e Uruguai.

 

RIPE // AJO

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS