Barreda vence nas motas e Loeb nos automóveis na quarta etapa do rali Dakar

O chileno Ignacio Cornejo (Honda) venceu hoje a quarta etapa do rali Dakar de todo-o-terreno na categoria das motas, enquanto o francês Sébastien Loeb (BRX) triunfou nos carros, num dia em que o português Joaquim Rodrigues Jr. desistiu.

Barreda vence nas motas e Loeb nos automóveis na quarta etapa do rali Dakar

Barreda vence nas motas e Loeb nos automóveis na quarta etapa do rali Dakar

O chileno Ignacio Cornejo (Honda) venceu hoje a quarta etapa do rali Dakar de todo-o-terreno na categoria das motas, enquanto o francês Sébastien Loeb (BRX) triunfou nos carros, num dia em que o português Joaquim Rodrigues Jr. desistiu.

O motociclista português, da Hero, caiu ao quilómetro 90 dos 425 previstos para a especial do dia, com partida e chegada a Hail, na Arábia Saudita, e foi transportado de helicóptero para o hospital local com uma lesão na perna esquerda.

José Ignacio Cornejo, que parou mais de 25 minutos junto do português, a prestar-lhe assistência, viu esse tempo retirado e acabou por vencer a etapa, a primeira desta edição do piloto da equipa Honda, gerida pelo português Ruben Faria.

Cornejo bateu o espanhol Joan Barreda (Honda), que corre com um dedo de um pé fraturado há dois dias, por quase 10 minutos.

O chileno Pablo Quintanilla (Honda) foi o terceiro, num dia em que o luso-alemão Sebastian Bühler (Hero) se atrasou ao ficar sem gasolina durante a especial, de acordo com informação prestada pela organização.

Rui Gonçalves (Sherco) foi o melhor português, na 30.ª posição, a 53.13 minutos.

Na geral, o australiano Daniel Sanders (GasGas), que hoje foi nono classificado, mantém a liderança.

Nos automóveis, Loeb venceu pela primeira vez nesta 45.ª edição da prova, batendo o compatriota Stéphane Peterhansel (Audi) por 13 segundos.

O espanhol Carlos Sainz (Audi) foi o terceiro, a 1.50 minutos, logo seguido do líder da geral, o qatari Nasser Al-Attiyah (Toyota), a 2.06.

Na quinta-feira, disputa-se a quinta etapa da prova, novamente com partida e chegada em Hail e com 373 quilómetros de especial cronometrada.

 

AGYR // MO

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS