Atletismo/Europeus: Dongmo na final do peso, Mariana Machado na dos 3.000 metros

A portuguesa Auriol Dongmo confirmou hoje ser uma das favoritas no lançamento do peso dos Europeus de pista coberta, em Torun, apurando-se diretamente para a final de sexta-feira, com a quarta marca da qualificação.

Atletismo/Europeus: Dongmo na final do peso, Mariana Machado na dos 3.000 metros

Atletismo/Europeus: Dongmo na final do peso, Mariana Machado na dos 3.000 metros

A portuguesa Auriol Dongmo confirmou hoje ser uma das favoritas no lançamento do peso dos Europeus de pista coberta, em Torun, apurando-se diretamente para a final de sexta-feira, com a quarta marca da qualificação.

Quem também avança para a final é Mariana Machado, que beneficiou da desclassificação de duas atletas na segunda eliminatória dos 3.000 metros para ‘fechar’ a lista de finalistas, conseguindo mesmo um recorde pessoal.

A recordista portuguesa do peso conseguiu o seu apuramento ao segundo ensaio, com 18,55 metros, não necessitando de um terceiro lançamento para ser uma das sete que superaram a marca de 18,40. Para completar a lista de oito finalistas foi necessário repescar mais uma atleta.

Para a final de sexta-feira, marcada para as 18:06, passam as duas grandes favoritas, ou seja, Dongmo e a alemã Chritina Schwanitz, que hoje resolveu o seu apuramento e liderança ao primeiro ensaio, com 18,86 metros.

Mariana Machado, de 20 anos, já com um excelente palmarés em corta-mato, estreou-se a alto nível em pista coberta a superar as expectativas, com um recorde pessoal de 8.59,39 minutos e a final na corrida de 3.000 metros.

A fundista do Sporting de Braga chegou no oitavo lugar da sua corrida, sendo 14.ª no conjunto das duas realizadas, mas subiria dois lugares após duas adversárias serem desclassificadas, por terem pisado a linha interna da pista.

A portuguesa ‘fecha’ assim o grupo de 12 corredoras que regressa à pista na sexta-feira, às 20:00.

Os três portugueses que foram aos 1.500 metros, todos bastante jovens, ficaram pelas eliminatórias, como era previsível face aos seus recordes pessoais.

Depois de uma primeira eliminatória sem lusos, competiram nas outras três, sucessivamente, Isaac Nader, Nuno Pereira e José Carlos Pinto.

Tanto Nader como Nuno Pereira foram nonos, respetivamente com 3.44,15 e 3.42,38, enquanto que José Carlos Pinto gastou 3.56,44 para ser 12.º, todos longe da repescagem por tempos.

FB // AJO

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS