Covid-19. Regras não mudam esta semana mas sobem concelhos de risco elevado

Terminou o Conselho de Ministros desta semana e a ministra da Presidência, Mariana Vieira da Silva, começa por lembrar que está marcada para dia 27 a reunião do Infarmed. Em consequência, hoje será apenas feita a aplicação da matriz na identificação dos concelhos em cada fase.

Covid-19. Regras não mudam esta semana mas sobem concelhos de risco elevado

Terminou o Conselho de Ministros desta semana e a ministra da Presidência, Mariana Vieira da Silva, começa por lembrar que está marcada para dia 27 a reunião do Infarmed. Em consequência, hoje será apenas feita a aplicação da matriz na identificação dos concelhos em cada fase.

Terminou o Conselho de Ministros desta semana e a ministra da Presidência, Mariana Vieira da Silva, começa por lembrar que está marcada para dia 27 a reunião do Infarmed. Em consequência,  hoje será apenas feita a aplicação da matriz na identificação dos concelhos em cada fase.

“Até dia 27 não tomaremos outra decisão”, reitera.

  • Na matriz de risco, a situação “continua a degradar-se”. No continente há uma incidência de 346,5 por 100 mil habitantes e um R(t) de 1,15. A ministra diz que o valor do R(t) é mais baixo do que a semana passada, “parecendo verificar-se alguma diminuição da velocidade de crescimento”, mas a incidência ainda é “muito elevada”.

    Em situação de risco elevado temos esta semana 43 concelhos, sendo que a semana passada era apenas 27. As regras são as mesmas que se aplicava até então: encerramento dos restaurantes às 22h30, teletrabalho obrigatório e recolher obrigatório.

    • Já em situação de risco elevado, são 43 (eram 27 na semana passada. São da zona Centro, Norte, Alentejo, Algarve. As regras são as mesmas que se aplicava até então: encerramento dos restaurantes às 22h30, teletrabalho obrigatório e recolher obrigatório.

      Em risco muito elevado são 47 e eram 33 na semana passada. Mantém-se a exigência de testes para acesso no interior a restaurantes.

LEIA AGORA
Boris Johnson quer autores de insultos racistas fora dos estádios
Boris Johnson quer autores de insultos racistas fora dos estádios
O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, anunciou hoje a intenção de banir dos estádios os adeptos que proferiram insultos racistas contra os três futebolistas ingleses que falharam grandes penalidades na final do Euro2020. (… continue a ler aqui)

Covid-19. Regras não mudam esta semana mas sobem concelhos de risco elevado

Impala Instagram


RELACIONADOS