Covid-19: População de Macau obrigada a realizar testes antigénio quarta e quinta-feira

Os quase 700 mil residentes de Macau vão ser obrigados a efetuar testes antigénio quarta e quinta-feira, após uma semana marcada por três testagens massivas à população devido a um surto local de covid-19.

Covid-19: População de Macau obrigada a realizar testes antigénio quarta e quinta-feira

Covid-19: População de Macau obrigada a realizar testes antigénio quarta e quinta-feira

Os quase 700 mil residentes de Macau vão ser obrigados a efetuar testes antigénio quarta e quinta-feira, após uma semana marcada por três testagens massivas à população devido a um surto local de covid-19.

O Centro de Coordenação de Contingência do Novo Tipo de Coronavírus anunciou hoje que “todos os residentes de Macau devem, obrigatoriamente, efetuar um teste rápido de antigénio para covid-19 durante dois dias consecutivos”, em 29 e 30 de junho.

A decisão surge num momento em que o território, que só contabilizara 83 casos desde o início da pandemia, registou mais de 400 infeções numa só semana, na grande maioria sem que os pacientes apresentem sintomas.

Os testes, que já eram obrigatórios antes de as pessoas se dirigirem para os centros de testagem de ácido nucleico, devem ser carregados numa plataforma ‘online’.

Em caso de desobediência, as pessoas enfrentam restrições de mobilidade, numa cidade em que há dezenas de zonas isoladas, milhares de pessoas em quarentenas forçadas e onde se mantêm fortes restrições fronteiriças.

As novas medidas surgem num momento em que Macau vive o pior surto desde o início da pandemia de covid-19.

Macau segue a política de “casos zero” definida no interior da China.

JMC // LFS

By Impala News / Lusa

Impala Instagram


RELACIONADOS