Covid-19: Hospital Garcia de Orta em Almada com 244 doentes internados

O Hospital Garcia de Orta (HGO), em Almada, regista hoje um total de 244 doentes internados infetados pelo novo coronavírus, 194 em enfermaria, 31 em cuidados intensivos e 19 em hospitalização domiciliária.

Covid-19: Hospital Garcia de Orta em Almada com 244 doentes internados

Covid-19: Hospital Garcia de Orta em Almada com 244 doentes internados

O Hospital Garcia de Orta (HGO), em Almada, regista hoje um total de 244 doentes internados infetados pelo novo coronavírus, 194 em enfermaria, 31 em cuidados intensivos e 19 em hospitalização domiciliária.

Em comunicado, que divulga os dados atualizados relativos aos doentes com covid-19, a unidade de saúde sublinha a elevada procura por motivos respiratórios.

“O hospital mantém uma elevada procura no Serviço de Urgência Geral, na vertente da área respiratória”, informa o HGO, na mesma nota.

O hospital localizado em Almada, distrito de Setúbal, tem internados mais dez doentes infetados com o SARS-CoV-2 comparativamente há uma semana, em 30 de janeiro, mas o mesmo número de quarta-feira.

O número de doentes em enfermaria diminuiu, de 197 para 194, mas a quantidade de pacientes em Unidade de Cuidados Intensivos subiu de 27 para 31 e os doentes acompanhados em Unidade de Hospitalização Domiciliária aumentaram de dez para os 19 de hoje.

Para tentar minimizar o impacto negativo da procura excessiva daquela unidade hospitalar, o HGO aconselha a população dos concelhos de Almada e do Seixal a recorrer em primeiro lugar ao médico de família e Centro de Saúde, “reservando as situações mais complexas, graves, e urgentes para serem assistidas no hospital”.

Em caso de sinais e sintomas, compatíveis com doença respiratória, o HGO pede aos utentes que contactem primeiro o Centro de Contacto do Serviço Nacional de Saúde, Linha SNS24, através do número de telefone 808242424, e as ADRC, áreas dedicadas para doentes respiratórios.

O HGO tem instalada desde domingo uma área de pré-triagem de ambulâncias, para fazer face à pressão assistencial à covid-19, que à data tinha elevado a taxa de ocupação da unidade hospitalar a 323%.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.299.637 mortos resultantes de mais de 105 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 13.740 pessoas dos 755.774 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

LEIA MAIS Covid-19: Ordem denuncia represálias contra farmacêutico que questionou vacinação no INEM

 

Impala Instagram


RELACIONADOS