Impala

Três feridos graves e 25 ligeiros em acidente com emigrantes portugueses em França

O despiste de um autocarro hoje de madrugada em França provocou, além de quatro mortos, três feridos graves e 25 ligeiros, todos emigrantes portugueses com destino a Genebra, Suíça, informou a Secretaria de Estado das Comunidades.

Redação, 08 jan (Lusa) – O despiste de um autocarro hoje de madrugada em França provocou, além de quatro mortos, três feridos graves e 25 ligeiros, todos emigrantes portugueses com destino a Genebra, Suíça, informou a Secretaria de Estado das Comunidades.


“O destino era Genebra e estariam a 230 quilómetros do destino final”, disse à Lusa o secretário de Estado das Comunidades, José Luís Carneiro, adiantando que o acidente terá tido como “causa mais provável” o gelo, por se tratar de um despiste, mas ressalvando a necessidade de aguardar pela realização do inquérito.


Os passageiros do autocarro com destino a Genebra eram todos emigrantes, segundo a mesma fonte, e três desses portugueses inspiram cuidados: “Esperamos que assim não aconteça, mas é possível que entre os feridos graves possa haver algum que não resista aos ferimentos”.


O acidente aconteceu às 04:30 locais (menos uma hora em Lisboa), sendo ainda “de forma oficial desconhecida” a transportadora rodoviária que assegurou o transporte dos emigrantes, segundo o governante.


O autocarro partiu de Portugal a caminho da Suíça e despistou-se na Estrada Nacional 79, na direção Mâcon-Moulins, num troço da RCEA (Estrada Centro Europa e Atlântico), conhecida por ser uma estrada perigosa.


“Neste momento [às 09:20] estamos em contatos consulares, quer com o consulado de Lyon, quer com o de Genebra, porque seria aí o destino. Estamos num processo ainda de identificação das vítimas mortais”, por forma a poder também mobilizar apoios às famílias das vítimas do acidente, acrescentou José Luís Carneiro.


Às famílias, o governante recomenda que contatem o consulado de Lyon e de Genebra, ambos a acompanhar o caso junto das autoridades francesas.


“Mas mal estejam identificadas as identidades, os serviços do gabinete consular vão contatar as famílias e as autarquias das quais são oriundas estas pessoas”, explicou.



VP // ROC



Lusa/fim


RELACIONADOS

Três feridos graves e 25 ligeiros em acidente com emigrantes portugueses em França

O despiste de um autocarro hoje de madrugada em França provocou, além de quatro mortos, três feridos graves e 25 ligeiros, todos emigrantes portugueses com destino a Genebra, Suíça, informou a Secretaria de Estado das Comunidades.