Impala

Supremo Tribunal brasileiro decide afastar presidente do Senado

O Supremo Tribunal Federal (STF) do Brasil decidiu, numa decisão liminar (provisória), afastar Renan Calheiros da presidência do Senado, confirmou à agência Lusa fonte da instituição.

Brasília, 05 dez (Lusa) – O Supremo Tribunal Federal (STF) do Brasil decidiu hoje, numa decisão liminar (provisória), afastar Renan Calheiros da presidência do Senado, confirmou à agência Lusa fonte da instituição.

A decisão foi tomada pelo magistrado Marco Aurélio Mello em resposta a um pedido do partido Rede Sustentabilidade, refere a mesma fonte, que não soube precisar os motivos na base da decisão.

O mesmo tribunal decidiu, na quinta-feira, levar Renan Calheiros ao banco dos réus, por acusação de desvio de dinheiro público.

ANYN // PJA

Lusa/Fim


RELACIONADOS

Supremo Tribunal brasileiro decide afastar presidente do Senado

O Supremo Tribunal Federal (STF) do Brasil decidiu, numa decisão liminar (provisória), afastar Renan Calheiros da presidência do Senado, confirmou à agência Lusa fonte da instituição.