Explosão de barragem causa pelo menos 21 mortos

Explosão de barragem causa pelo menos 21 mortos

O Quénia atravessou um período de chuvas torrenciais de duas semanas. A água atingiu duas aldeias e deixou um rasto de destruição, conta a Reuters.

Uma barragem explodiu no Quénia depois do país se encontrar altamente assolado por chuvas torrenciais. Relatos das equipas e serviços de salvamento do governo à agência Reuters falam em correntes de água violentas vindas de uma barragem que cedeu no topo de uma colina do condado de Nakuru.

Duas aldeias foram atingidas esta quarta-feira na região de Rift Valley a 190 quilómetros noroeste da capital Nairóbi.  A força da água danificou todas as infraestruturas de energias, casas e outros edifícios da localidade.

Fala-se em cerca de 2000 habitantes afetados numa contabilização de prejuízos que ainda está a decorrer.

LEIA MAIS: Morreu no Quénia último rinoceronte-branco do norte macho

Uma idosa falou que, quando mal se apercebeu da chegada da água, sentiu logo a necessidade de chegar a terreno de maior relevado e um dos seus vizinhos acabou por morreu.

“Parecia que estávamos no mar. O meu vizinho morreu quando a água foi contra a parede da sua casa. Ele era cego e não conseguia fugir. Os meus outros vizinhos também morreram e as nossas casas ruíram”, explicou Veronica Wanjiku Ngigi.

LEIA MAIS: Jovem mãe morreu após ser desprezada pela ambulância

“A água causou uma enorme destruição da vida e propriedade. A extensão dos danos ainda não foi determinada”, disse o governador de Nakuru, Lee Kinyajui, em comunicado.

Esta região de Nakuru é uma das principais fontes de produção agrícola do Quénia, bem como de comércio e empregabilidade estrangeira.


RELACIONADOS

Explosão de barragem causa pelo menos 21 mortos

O Quénia atravessou um período de chuvas torrenciais de duas semanas. A água atingiu duas aldeias e deixou um rasto de destruição, conta a Reuters.