Paris e Teerão combinam trabalhar juntos para manter acordo nuclear iraniano

Paris e Teerão combinam trabalhar juntos para manter acordo nuclear iraniano

O presidente francês, Emmanuel Macron, e o homólogo iraniano, Hassan Rohani, combinaram hoje trabalhar juntos para preservar o acordo nuclear iraniano, na sequência da retirada dos Estados Unidos do pacto, anunciou a presidência francesa.

Paris, 09 mai (Lusa) — O presidente francês, Emmanuel Macron, e o homólogo iraniano, Hassan Rohani, combinaram hoje trabalhar juntos para preservar o acordo nuclear iraniano, na sequência da retirada dos Estados Unidos do pacto, anunciou a presidência francesa.


Macron e Rohani mantiveram uma conversa telefónica na qual “acordaram prosseguir o trabalho comum com todos os Estados interessados com vista à aplicação contínua do acordo nuclear e à preservação da estabilidade regional”, lê-se num comunicado da presidência francesa.


Os Estados Unidos anunciaram na terça-feira que se retiram do acordo assinado em 2015 entre o Irão e o Grupo 5+1, constituído pelos cinco membros permanentes do Conselho de Segurança da ONU (EUA, Rússia, China, França e Reino Unido) e a Alemanha.


Os restantes signatários do pacto criticaram a medida e os Estados-parte europeus asseguraram que se mantêm no acordo, que permitiu o levantamento gradual das sanções económicas em troca do compromisso de Teerão de limitar o seu programa nuclear a fins civis.


O comunicado da presidência francesa precisa que Macron combinou com Rohani uma reunião em breve entre os respetivos ministros dos Negócios Estrangeiros “para iniciar o mais rapidamente possível um diálogo” que preserve o acordo.



MDR // ANP.

By Impala News / Lusa


RELACIONADOS

Paris e Teerão combinam trabalhar juntos para manter acordo nuclear iraniano

O presidente francês, Emmanuel Macron, e o homólogo iraniano, Hassan Rohani, combinaram hoje trabalhar juntos para preservar o acordo nuclear iraniano, na sequência da retirada dos Estados Unidos do pacto, anunciou a presidência francesa.