Impala

Óbito/Soares: Lula da Silva recorda “um dos grandes homens do século XX”

O ex-Presidente do Brasil Luiz Inácio Lula da Silva considerou que “Mário Soares foi um dos grandes homens públicos do século XX, não só de Portugal, mas da Europa e do mundo”.

São Paulo, Brasil, 07 dez (Lusa) – O ex-Presidente do Brasil Luiz Inácio Lula da Silva considerou hoje que “Mário Soares foi um dos grandes homens públicos do século XX, não só de Portugal, mas da Europa e do mundo”.


Numa publicação divulgada na sua página pessoal no Facebook, o ex-Presidente brasileiro recordou Mário Soares, que morreu hoje aos 92 anos, como “um homem comprometido durante toda a sua vida com as ideias do socialismo democrático e a construção de um mundo mais justo”.


Lula da Silva lembrou a luta pela liberdade prosseguida pelo líder português, que se posicionou contra o fascismo e contra a ditadura em Portugal.


“Sempre defendeu e trabalhou pela cooperação e intercâmbio entre Brasil e Portugal, aproximando nossas nações. Sempre esteve, mesmo nas horas mais difíceis, do lado certo da história”, acentuou.


Estivemos juntos pela última vez em 2014, celebrando os 40 anos da Revolução dos Cravos, que restaurou a democracia na nação que amava tanto”, frisou ex-chefe de Estado brasileiro.


Lula da Silva manifestou solidariedade “aos familiares, amigos, admiradores e ao povo português nesse momento de despedida e saudade do amigo Mário Soares”.


Mário Soares encontrava-se internado desde o dia 13 de dezembro, tendo sido transferido no dia 22 dos Cuidados Intensivos para a “unidade de internamento em regime reservado” do Hospital da Cruz Vermelha, depois de sinais de melhoria do estado de saúde.


No entanto, no dia 24, um agravamento súbito da situação clínica obrigou ao regresso do antigo chefe de Estado à Unidade dos Cuidados Intensivos.


No dia 31 de dezembro, dia da última atualização feita pelo hospital sobre o seu estado de saúde, Mário Soares continuava em “coma profundo”, mas “estável e com parâmetros vitais normais”.


Mário Soares, que morreu hoje aos 92 anos, desempenhou os mais altos cargos no país e a sua vida confunde-se com a própria história da democracia portuguesa: combateu a ditadura, foi fundador do PS e Presidente da República.




CYR (FPS) // JPS


Lusa/Fim


RELACIONADOS

Óbito/Soares: Lula da Silva recorda “um dos grandes homens do século XX”

O ex-Presidente do Brasil Luiz Inácio Lula da Silva considerou que “Mário Soares foi um dos grandes homens públicos do século XX, não só de Portugal, mas da Europa e do mundo”.