Húngaros começaram a votar nas eleições legilslativas

Húngaros começaram a votar nas eleições legilslativas

Os húngaros começaram a votar para as eleições legislativas, em que o primeiro-ministro cessante, Viktor Orban, ícone das direitas populistas europeias, é dado como favorito para cumprir um terceiro mandato e consolidar um poder assumidamente autoritário.

Budapeste, 08 mar (Lusa) — Os húngaros começaram hoje a votar para as eleições legislativas, em que o primeiro-ministro cessante, Viktor Orban, ícone das direitas populistas europeias, é dado como favorito para cumprir um terceiro mandato e consolidar um poder assumidamente autoritário.


“O futuro do país está em jogo. Não nos limitamos a eleger os partidos, o governo e o primeiro-ministro, escolhemos também o futuro do país”, declarou o dirigente depois de votar ao início da manhã no 22.º distrito de Budapeste.


Cerca de 7,9 milhões de húngaros são chamados a participar no escrutínio, que decorre entre as 06:00 (04:00 TMG) e as 19:00 (17:00 TMG).


Na ausência de sondagens à boca das urnas, as primeiras projeções só serão conhecidas à noite.


Com uma vantagem de 20 a 30 pontos nas sondagens e favorecido por um sistema de votação de uma volta combinando a maioria simples por circunscrição e proporcionalidade, o partido nacional conservador Fidesz, do dirigente húngaro, parece ter a garantia de vencer, segundo especialistas.


A principal incógnita é a taxa de participação e a amplitude da vitória prometida: Orban conquistou em 2010 e 2014 uma “super maioria” no parlamento, mas pode desta vez ficar-se por uma maioria relativa.


“A lógica é que o Fidesz ganhe, mas há potencialmente uma surpresa no ar”, disse à AFP o politólogo Gabor Torok.


“Espero bem que o governo de Orban possa prosseguir o seu trabalho, afirmou à agência francesa uma reformada, Zsuzsanna Draxler, após votar em Budapeste.


“Votei de alma e consciência, esperando que tenhamos algo melhor”, indicou outro eleitor, que preferiu manter o anonimato.


O nacionalista conservador Viktor Orban é o favorito nestas eleições, devendo obter um terceiro mandato consecutivo graças à fragmentação da oposição e à consolidação do discurso anti-imigração.


AH// ATR

By Impala News / Lusa


RELACIONADOS

Húngaros começaram a votar nas eleições legilslativas

Os húngaros começaram a votar para as eleições legislativas, em que o primeiro-ministro cessante, Viktor Orban, ícone das direitas populistas europeias, é dado como favorito para cumprir um terceiro mandato e consolidar um poder assumidamente autoritário.