Impala

Guarda costeira italiana resgata mais de 1.300 pessoas Mediterâneo em 48 horas

A guarda costeira italiana informou que, nas últimas 48 horas, resgatou mais de 1.300 migrantes do Mar Mediterrâneo, entre os quais 16 mortos.

Roma, 05 dez (Lusa) — A guarda costeira italiana informou hoje que, nas últimas 48 horas, resgatou mais de 1.300 migrantes do Mar Mediterrâneo, entre os quais 16 mortos.


A mudança de tempo depois do verão reduz, por norma, os fluxos de candidatos a entrar na Europa, mas este ano o ritmo tem-se mantido constante.


Daquele total, 285 migrantes foram resgatados no sábado, 791,no domingo e 231, hoje.


A Organização das Nações Unidas quantificou em pelo menos 4.700 o número de pessoas que morreram ou desapareceram este ano durante a travessia de atravessamento do Mediterrâneo.



RN // MAG


Lusa/fim


RELACIONADOS

Guarda costeira italiana resgata mais de 1.300 pessoas Mediterâneo em 48 horas

A guarda costeira italiana informou que, nas últimas 48 horas, resgatou mais de 1.300 migrantes do Mar Mediterrâneo, entre os quais 16 mortos.