Impala

Ex-primeiro-ministro francês Manuel Valls reconhece derrota nas primárias socialistas

O ex-primeiro-ministro francês Manuel Valls reconheceu a derrota nas primárias do Partido Socialista, afirmando que Benoit Hamon “ganhou claramente” e é o candidato da sua “família política”, a quem cabe unir a esquerda.

Paris, 29 jan (Lusa) – O ex-primeiro-ministro francês Manuel Valls reconheceu hoje a derrota nas primárias do Partido Socialista, afirmando que Benoit Hamon “ganhou claramente” e é o candidato da sua “família política”, a quem cabe unir a esquerda.


Numa declaração proferida alguns minutos depois de serem conhecidos os primeiros resultados provisórios, Valls afirmou que Hamon “ganhou claramente” e desejou-lhe boa sorte.


O ex-ministro francês da Educação Benoit Hamon venceu hoje as primárias do Partido Socialista para as eleições presidenciais de abril.


Hamon obteve 58,65% dos votos contra 41,35% de Valls, de acordo com os primeiros resultados provisórios.


Valls afirmou respeitar os resultados e, como determinam as regras das primárias, os candidatos derrotados apoiam o vencedor e considerou que a campanha foi “de qualidade”, embora tenha decorrido em condições “imprevistas”, na sequência da renúncia do Presidente François Hollande a se candidatar a um segundo mandato.


O ex-primeiro-ministro francês não deu pistas sobre o seu futuro, mas indicou que “as derrotas fazem parte da política e da democracia”.


Manuel Valls dedicou os últimos minutos da sua intervenção pública para lembrar e justificar as suas ações no governo, as mesmas que causaram fricções com Benoit Hamon e com a ala rebelde do PS, vencedora nestas primárias.


Hollande “conseguiu vários progressos” e tornou a “esquerda credível” em termos de segurança e de luta antiterrorista ou de economia.


“Este reformismo que quis encarnar é a referência”, comentou Valls, antes de sublinhar que o executivo demonstrou que se pode combinar rigor orçamental com mais emprego, no âmbito da segurança ou da educação.



EJ // MAG

By Impala News / Lusa


RELACIONADOS

Ex-primeiro-ministro francês Manuel Valls reconhece derrota nas primárias socialistas

O ex-primeiro-ministro francês Manuel Valls reconheceu a derrota nas primárias do Partido Socialista, afirmando que Benoit Hamon “ganhou claramente” e é o candidato da sua “família política”, a quem cabe unir a esquerda.