Impala

Dois polícias venezuelanos condenados por morte de jovem manifestante em 2014

Dois polícias venezuelanos foram condenados a penas de prisão de seis e 29 anos, pela morte de um jovem manifestante em 2014.

Caracas, 03 dez (Lusa) — Dois polícias venezuelanos foram condenados a penas de prisão de seis e 29 anos, pela morte de um jovem manifestante em 2014.


O gabinete do procurador anunciou na sexta-feira que um comissário da polícia política e um agente foram condenados pelos seus papéis na morte de Bassil Da Costa, de 23 anos.


Bassil Da Costa foi morto em Caracas durante uma onda de protestos contra o governo. A sua morte causou indignação nacional.


O comissário da polícia política Jose Perdomo foi condenado a 29 anos e seis meses por homicídio. Já o agente da polícia nacional Andry Yoswua foi condenado a seis anos por uso indevido de arma.


Os protestos causaram dezenas de mortos entre os opositores do governo e simpatizantes.



FV // FV


Lusa/fim


RELACIONADOS

Dois polícias venezuelanos condenados por morte de jovem manifestante em 2014

Dois polícias venezuelanos foram condenados a penas de prisão de seis e 29 anos, pela morte de um jovem manifestante em 2014.