Impala

Chefe da diplomacia portuguesa visita Angola este mês

O ministro dos Negócios Estrangeiros português, Augusto Santos Silva, visita Angola entre 10 e 12 de fevereiro, cujo programa deverá incluir deslocações a províncias, além da capital, disse à Lusa fonte diplomática portuguesa.

Luanda, 01 fev (Lusa) – O ministro dos Negócios Estrangeiros português, Augusto Santos Silva, visita Angola entre 10 e 12 de fevereiro, cujo programa deverá incluir deslocações a províncias, além da capital, disse hoje à Lusa fonte diplomática portuguesa.


A visita a Angola do chefe da diplomacia portuguesa chegou a estar prevista para dezembro, tendo Augusto Santos Silva anunciado em novembro querer aproveitar a viagem para abordar a diversificar da relação económica entre os dois países.


“Estão previstos encontros ao mais alto nível e fazemos questão – quer eu, quer o meu colega ministro das Relações Exteriores de Angola, Georges Chikoti – que a visita não se fique por Luanda mas que haja também a visita a províncias angolanas”, disse à Lusa, a 10 de novembro, o ministro dos Negócios Estrangeiros de Portugal.


Os ministros portugueses da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, e do Ambiente, João Matos Fernandes, estão esta semana em visita a Angola, com programas relacionados com o reforço da cooperação, nas duas áreas, entre Portugal e Angola.


Antes, em julho, foi a vez do ministro da Agricultura, Luís Capoulas Santos, visitar Angola, tendo então proposto uma agenda bilateral renovada para o setor agrícola.


Já em outubro, em Luanda, a secretária de Estado dos Negócios Estrangeiros e da Cooperação, Teresa Ribeiro, anunciou a intenção de os governos de Portugal e de Angola de reforçar e “dar substância” à agenda bilateral e assim preparar as próximas visitas de governantes, ao mais alto nível, continuando em cima da mesa a realização de uma cimeira.


“Vamos construir uma agenda que seja substantiva e que vá influenciar os próximos passos que nós dermos em matéria de cimeiras, de visitas entre os dois países. Criar substância”, enfatizou a governante portuguesa.


O objetivo é “preparar um trabalho sólido”, disse na altura, para as planeadas visitas a Angola do ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, do primeiro-ministro, António Costa, e do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.


O chefe da diplomacia angolana, Georges Chikoti, anunciou em março de 2016 que o primeiro-ministro de Portugal, António Costa, vai visitar oficialmente Angola, em datas que serão tratadas pela via diplomática.



PVJ // VM

By Impala News / Lusa


RELACIONADOS

Chefe da diplomacia portuguesa visita Angola este mês

O ministro dos Negócios Estrangeiros português, Augusto Santos Silva, visita Angola entre 10 e 12 de fevereiro, cujo programa deverá incluir deslocações a províncias, além da capital, disse à Lusa fonte diplomática portuguesa.