Impala

Pequim recebe Ano do Galo envolta em nuvem de poluição por causa dos panchões

Pequim e outras cidades do norte da China receberam hoje o Ano do Galo envoltas numa espessa nuvem de poluição atmosférica, causada desta vez sobretudo pelos tradicionais fogos-de-artifício e panchões nas celebrações do ano novo lunar.

Pequim, 28 jan (Lusa) — Pequim e outras cidades do norte da China receberam hoje o Ano do Galo envoltas numa espessa nuvem de poluição atmosférica, causada desta vez sobretudo pelos tradicionais fogos-de-artifício e panchões nas celebrações do ano novo lunar.


Durante o Ano Novo Chinês é muito comum o rebentamento de panchões (cartuchos de pólvora) um pouco por toda a China, baseado na crença de que o barulho afasta os maus espíritos.


À semelhança de anos anteriores, Pequim, que desfrutava de céu azul na véspera das celebrações, graças ao encerramento de fábricas e à redução do tráfego, viu subir os níveis de poluição rapidamente por volta da meia-noite, altura em que o uso de artefactos pirotécnicos é maior, uma ação que continuou durante a madrugada de hoje.


Por volta das 02:00 da madrugada (18:00 de sexta-feira em Lisboa), o nível de partículas contaminantes no ar de Pequim superava os 680 microgramas por metro cúbico, um nível considerado perigoso, e que na manhã de hoje desceu para 271, continuando a ser nocivo para a saúde.


Pequim reduziu o número de lugares autorizados para rebentar panchões (de 511 em 2016 para 208 este ano) e diminui de 20 para dez dias a autorização para comprar artefactos pirotécnicos, proibidos no resto do ano.


Mais de 440 cidades proibiram o fogo-de-artifício estes dias — Pequim tomou esta medida durante anos na década passada, mas aboliu-a dado o descontentamento popular — e outras 764 cidades estabeleceram alguns limites, segundo o jornal South China Morning Post.


Festejar a passagem do ano lunar é a principal festa das famílias chinesas, equivalente ao natal nos países ocidentais, e começa este ano a 28 de janeiro, sob o signo do Galo, um dos doze animais do milenar zodíaco chinês.



FV (DM/ JOYP) // FV.

By Impala News / Lusa


RELACIONADOS

Pequim recebe Ano do Galo envolta em nuvem de poluição por causa dos panchões

Pequim e outras cidades do norte da China receberam hoje o Ano do Galo envoltas numa espessa nuvem de poluição atmosférica, causada desta vez sobretudo pelos tradicionais fogos-de-artifício e panchões nas celebrações do ano novo lunar.