Jovem fica paralisada depois de exercício em ginásio

Uma jovem de 23 anos correu o risco de nunca mais andar devido a uma exercício mal realizado no ginásio. Ficou paralisada do pescoço para baixo.

Marcelle Mancuso tem 23 anos e é natural de São José do Rio Preto, no Brasil. Adepta de exercício físico, a jovem viu a sua vida mudar drasticamente quando, em janeiro de 2016, ao fazer abdominais numa máquina para o efeito, caiu de cabeça no chão.

«Foi mais um dia normal de treino», disse Marcelle, em entrevista ao Independent.

«Eu queria realizar um exercício abdominal na máquina e estava de cabeça para baixo. Estava agarrada ao equipamento com uma fita, que partiu, e o personal trainer não me conseguiu segurar», explica a jovem.

A gravidade da queda –que afetou várias vértebras – foi tal que os médicos não conseguiam prever se Marcelle Mancuso voltaria a andar.

«O meu diagnóstico era tetraplegia. Não mexeria os meus braços ou pernas. Os médicos não sabiam se voltaria a andar novamente ou se ficaria numa cama para sempre”, contou Marcelle.

Dois anos depois do acidente, a jovem já conseguiu recuperar alguma mobilidade. Os primeiros avanços foram dados nos três primeiros dias, com Marcelle a mexer os dedos das mãos e dos pés. Um mês depois já dava os primeiros passos com recurso a muleta.

LEIA TAMBÉM: Jovem vai a um parque de diversões e acorda no dia seguinte sem uma perna

«Quatro meses depois comecei a melhorar a força da minha perna e cinco meses depois do acidente, parei de desmaiar e ter tonturas ao andar. Aos seis meses consegui andar e as minhas pernas não balançaram mais», disse.

Marcelle conseguiu recuperar e voltar a ter uma vida normal. «Tenho uma vida normal hoje e dou graças a Deus por isso!», conclui.

Fotos: Reprodução SWNS.com


RELACIONADOS