Impala

Já se sabe quem é o candidato socialista às presidenciais em França

O ex-ministro francês da Educação Benoit Hamon foi escolhido para ser o candidato socialista às eleições presidenciais, de abril, ao derrotar o antigo primeiro-ministro Manuel Valls.

Paris, 29 jan (Lusa) – O ex-ministro francês da Educação Benoit Hamon foi hoje escolhido para ser o candidato socialista às eleições presidenciais, de abril, ao derrotar o antigo primeiro-ministro Manuel Valls.

Hamon obteve 58,65% dos votos nas primárias dos socialistas, contra 41,35% de Valls, de acordo com os primeiros resultados provisórios, e depois de terem sido contados 60% das mesas, nas quais votaram cerca de 1,1 milhões de eleitores.

Um total de perto de dois milhões de pessoas participou na segunda volta das primárias socialista, contra 1,6 milhões de eleitores, na primeira volta, e de quatro milhões de pessoas que participaram, em dezembro passado, nas primárias da direita.

Hamon representa a alta mais à esquerda do Partido Socialista francês e a fação mais crítica do atual Presidente, François Hollande, do qual Manuel Valls foi ministro do Interior e, depois, chefe do executivo.

Benoit Hamon, de 49 anos, que fez parte do governo francês até agosto de 2014, terá a difícil tarefa de dar a volta às sondagens sobre as intenções de voto nas presidenciais, que lhe são desfavoráveis.

O candidato socialista parte em quinto lugar nas intenções de voto. A seguir, em quarto, surge o radical de esquerda Jean-Luc Mélenchon, depois o ex-ministro da Economia Emmanuel Macron e, em segundo, o conservador François Fillon.

A líder da Frente Nacional (FN, extrema-direita), Marine Le Pen, surge em primeiro lugar nas sondagens.

Hamon, ex-dirigente da juventude socialista francesa e que fez boa parte da carreira política no aparelho do PS, terá agora a difícil tarefa da unir a família socialista, mais dividida que nunca.

EJ // MAG

By Impala News / Lusa


RELACIONADOS

Já se sabe quem é o candidato socialista às presidenciais em França

O ex-ministro francês da Educação Benoit Hamon foi escolhido para ser o candidato socialista às eleições presidenciais, de abril, ao derrotar o antigo primeiro-ministro Manuel Valls.