Impala

Estados Unidos condenam “horrível ataque terrorista em Istambul”

Os Estados Unidos da América condenaram hoje o “horrível ataque terrorista” desta madrugada numa discoteca de Istambul, em que morreram pelo menos 35 pessoas e 40 ficaram feridas.


Washington, 01 jan (Lusa) — Os Estados Unidos da América condenaram hoje o “horrível ataque terrorista” desta madrugada numa discoteca de Istambul, em que morreram pelo menos 35 pessoas e 40 ficaram feridas.


O porta-voz do Conselho Nacional de Segurança da Casa Branca, Ned Price, acrescentou que o ataque a “inocentes” que celebravam a passagem do ano revela “a selvajaria” dos autores do tiroteio.


Price reiterou ainda o apoio norte-americano à Turquia, aliada dos Estados Unidos na NATO, no combate ao terrorismo.


Segundo o porta-voz da Casa Branca Eric Schultz, o Presidente norte-americano, Barack Obama, que está de férias no Havai, foi informado sobre o ataque e vai continuar a acompanhar a situação.


Pelo menos 35 pessoas morreram e 40 estão a ser assistidas em hospitais, no seguimento de um “ataque terrorista” hoje na discoteca Reina, em Istambul, disse o governador da cidade, Vasip Sahin, em declarações aos jornalistas.


De acordo com os relatos que vão surgindo, um ou vários atacantes vestidos de Pai Natal dispararam indiscriminadamente dentro da discoteca. Vários órgãos de comunicação social avançam que pelo menos um deles terá mostrado uma bandeira do Estado Islâmico e gritado palavras em árabe.


Na discoteca estavam cerca de 800 pessoas e algumas atiraram-se em pânico para as águas do estreito do Bósforo para fugir do ataque.


Segundo as agências de informação internacionais, as autoridades da Turquia já tinham aumentado o nível de segurança, com várias barreiras em locais estratégicos em Istambul e na capital, Ancara.


A agência de notícias local, a Anadolu, dá conta de que 17 mil polícias tinham sido colocados de prontidão, alguns disfarçados de Pai Natal e de vendedores ambulantes.


Em 2016, morreram pelo menos 180 pessoas em ataques na Turquia levados a cabo pelo Estado Islâmico e por rebeldes curdos.



MP (MBA) // MP


Lusa/fim


RELACIONADOS

Estados Unidos condenam “horrível ataque terrorista em Istambul”

Os Estados Unidos da América condenaram hoje o “horrível ataque terrorista” desta madrugada numa discoteca de Istambul, em que morreram pelo menos 35 pessoas e 40 ficaram feridas.