Impala

Marca angolana anuncia que começou a exportar sumo para a China

O grupo Refriango, o maior fabricante de bebidas angolano e uma das marcas mais exportadas do país, anunciou a estreia nas vendas de sumos da marca no mercado da China.

Luanda, 08 dez (Lusa) – O grupo Refriango, o maior fabricante de bebidas angolano e uma das marcas mais exportadas do país, anunciou hoje a estreia nas vendas de sumos da marca no mercado da China.


De acordo com uma informação distribuída hoje por aquele grupo, a marca de sumos Nutry está à venda no mercado chinês através de uma parceria com a maior cadeia de distribuição daquele país, a B2C, apresentando “perspetivas de rápido crescimento em termos de vendas”.


“O mercado chinês tem grande potencial e por isso esperamos que assuma uma posição de liderança nos mercados internacionais da Refriango”, explica o grupo angolano.


A Refriango é uma das marcas que mais se internacionalizou em Angola, processo iniciado em 2010, com sumos e posteriormente cerveja. Atualmente está presente em mais de 20 países, casos de Holanda, Namíbia, Moçambique, Nigéria, Argélia, Benim, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Guiné-Conacri ou Republica Democrática Congo, além agora da China.


A médio prazo, o objetivo é que os mercados internacionais “representem mais de 10% do total de vendas da Refriango”, afirma a marca.


O grupo afirma operar o maior complexo industrial de Angola, com 42 hectares, e uma capacidade de produção de mil milhões de litros ao ano, através das 26 linhas de enchimento dos mais diversos tipos de embalagem, distribuídas por quatro fábricas.


Emprega atualmente 3.500 colaboradores para produzir 15 marcas diferentes, desde sumos a águas, além de água tónica, cerveja ou bebidas energéticas.



PVJ // SMA


Lusa/Fim


RELACIONADOS

Marca angolana anuncia que começou a exportar sumo para a China

O grupo Refriango, o maior fabricante de bebidas angolano e uma das marcas mais exportadas do país, anunciou a estreia nas vendas de sumos da marca no mercado da China.