Impala

CTT assinalam 30 anos da Agência Lusa com bilhete postal comemorativo

As últimas três décadas de Portugal em 24 fotografias da Lusa estão a circular em postal dos CTT, uma forma de esta empresa se associar ao 30.º aniversário da agência portuguesa de notícias.

*** Serviços áudio e vídeo disponíveis em www.lusa.pt ***



Lisboa, 05 dez (Lusa) – As últimas três décadas de Portugal em 24 fotografias da Lusa estão a partir de hoje a circular em postal dos CTT, uma forma de esta empresa se associar ao 30.º aniversário da agência portuguesa de notícias.


O lançamento do “inteiro postal” foi hoje assinalado na sede dos CTT, em Lisboa, quando os presidentes das duas empresas carimbaram e assinaram os primeiros exemplares.


No postal de correios para assinalar os 30 anos da Lusa, que se comemoram este ano, estão fotografias que marcaram alguns momentos da história recente de Portugal, do desporto à política, e nos quais a agência esteve presente.


Francisco de Lacerda, o presidente dos CTT, lembrou que a empresa, a única que tem o direito de emitir selos com a palavra Portugal, tem uma “obrigação associada” de procurar efemérides que mereçam estar em selo, de factos e feitos históricos a descobertas, de instituições a personalidades, por norma associadas a “datas redondas”.


“A Lusa, sendo a agência noticiosa portuguesa, tem um peso institucional grande no país e merece por isso ser considerada” quando celebra os 30 anos, disse, lembrando antes que agências como a Lusa são os maiores fornecedores de notícias.


Na cerimónia, o responsável já tinha dito que a emissão do postal era “uma merecida homenagem que os CTT quiseram prestar à Lusa”, ao que a presidente da Lusa, Teresa Marques, respondeu apelidando a iniciativa de “marco histórico para a Lusa” e que simboliza “a importância da comunicação social na vida das sociedades e das culturas”.


Lembrando que as fotografias tiradas por jornalistas da empresa representam também “um bocadinho da história do país”, Teresa Marques considerou o momento “um orgulho e um marco importante” para a Lusa, “tendo em conta a marca e o que representa a agência em termos de comunicação social para o país”.


Com as fotografias (António Guterres em Timor-Leste, João Paulo II em Portugal ou a entrega do Nobel da literatura a José Saramago, entre muitas outras), e a frase “30 anos Lusa, todas as notícias por perto”, os CTT homenagearam a empresa com uma tiragem de quatro mil postais.


Menos do que o número de originais de selos postais que os CTT produziram desde 01 de julho de 1853, quando foi lançado o primeiro selo português, de cinco reis, com o perfil da rainha Dona Maria II.


Hoje a data nem é “redonda” (163 anos), mas a cerimónia protagonizada por Francisco de Lacerda e Teresa Marques, de marcar o selo com um carimbo, teve o mesmo simbolismo, o de colocar o postal em circulação.



FP // MAG


Lusa/fim


RELACIONADOS

CTT assinalam 30 anos da Agência Lusa com bilhete postal comemorativo

As últimas três décadas de Portugal em 24 fotografias da Lusa estão a circular em postal dos CTT, uma forma de esta empresa se associar ao 30.º aniversário da agência portuguesa de notícias.