Centeno diz que Governo é ponderado, nem despesista nem de austeridade

Centeno diz que Governo é ponderado, nem despesista nem de austeridade

O ministro das Finanças disse hoje que o Governo não tem feito escolhas de “despesismo” ou de “austeridade” em finanças públicas, mas ponderadas, considerando que são necessárias contas públicas consolidadas que as protejam de uma evolução desfavorável da conjuntura.

Lisboa, 13 abr (Lusa) — O ministro das Finanças disse hoje que o Governo não tem feito escolhas de “despesismo” ou de “austeridade” em finanças públicas, mas ponderadas, considerando que são necessárias contas públicas consolidadas que as protejam de uma evolução desfavorável da conjuntura.


“O trajeto percorrido não é de despesismo, não é de austeridade, é de uma escolha ponderada. Há sempre alternativas a este caminho, mas essas correspondem a escolhas de regresso ao passado”, disse Mário Centeno em conferência de imprensa, no Ministério das Finanças, em Lisboa, após ser divulgado o Programa Estabilidade 2018-2022.


O governante considerou que o “risco de um retrocesso existe” e que “é maior do que parece”, pelo que não pode deixar que “os erros do passado sejam cometidos”.


O Governo reviu em baixa a meta do défice deste ano para 0,7% do Produto Interno Bruto (PIB), segundo o Programa de Estabilidade 2018-2022 entregue hoje ao parlamento, abaixo do défice orçamental de 1,1% previsto no Orçamento do Estado deste ano.



IM // CSJ

By Impala News / Lusa


RELACIONADOS

Centeno diz que Governo é ponderado, nem despesista nem de austeridade

O ministro das Finanças disse hoje que o Governo não tem feito escolhas de “despesismo” ou de “austeridade” em finanças públicas, mas ponderadas, considerando que são necessárias contas públicas consolidadas que as protejam de uma evolução desfavorável da conjuntura.