Impala

Oito mortos e problemas nos transportes em Itália devido ao frio

As baixas temperaturas que se registam em Itália, com nevões que atingiram a costa do sul do país, como as praias da ilha de Sicília, causaram pelo menos oito mortos nas últimas 48 horas, segundo as autoridades.

Roma, 08 jan (Lusa) — As baixas temperaturas que se registam em Itália, com nevões que atingiram a costa do sul do país, como as praias da ilha de Sicília, causaram pelo menos oito mortos nas últimas 48 horas, segundo as autoridades.


A maior parte das vítimas eram sem-abrigo com idades entre os 46 e os 66 anos e encontravam-se na rua quando as temperaturas desceram abaixo dos 0 graus.


As mortes ocorreram em Florência e Milão e em localidades do centro (Latina), sudoeste (Messina) e sudeste (Altamura) do país.


Duas das vítimas eram sem-abrigo de origem polaca, um romeno, outro indiano e os restantes italianos, entre os quais uma mulher que terá sofrido uma queda devido ao gelo.


As temperaturas abaixo de zero afetaram todo o país, mas a queda de neve ocorreu sobretudo a zona sul, uma situação anormal, e toda a Itália está sobre a influência de um frente fria oriunda do nordeste do continente europeu.


O estado do tempo afetou ainda o funcionamento dos transportes, nomeadamente condicionamentos em aeroportos, cortes de estradas e suspensão de alguns transportes públicos, embora as ligações de comboios de alta velocidade que ligam as principais cidades do país estejam a funcionar com normalidade.



VM // JMR


Lusa/Fim


RELACIONADOS

Oito mortos e problemas nos transportes em Itália devido ao frio

As baixas temperaturas que se registam em Itália, com nevões que atingiram a costa do sul do país, como as praias da ilha de Sicília, causaram pelo menos oito mortos nas últimas 48 horas, segundo as autoridades.