Impala

Marinha Portuguesa alerta para agravamento severo do estado do mar a partir de quarta-feira

A Marinha Portuguesa e a Autoridade Marítima Nacional alertaram hoje para o agravamento severo do estado do mar a partir de quarta-feira, nos Açores, e de quinta-feira, no Continente, aconselhando a tomada de medidas de prevenção.

Lisboa, 30 jan (Lusa) — A Marinha Portuguesa e a Autoridade Marítima Nacional alertaram hoje para o agravamento severo do estado do mar a partir de quarta-feira, nos Açores, e de quinta-feira, no Continente, aconselhando a tomada de medidas de prevenção.


Segundo comunicado da Marinha Portuguesa, este agravamento é considerado de “risco”, pelo que devem ser tomadas medidas de prevenção por todos aqueles que se encontram no mar, nas infraestruturas portuárias e outras áreas ao longo da costa.


A instabilidade poderá atingir ondas com altura significativa de 8 a 10 metros ao longo de toda a faixa litoral do Continente.


A partir de quarta-feira, segundo a nota, é esperada forte agitação marítima no arquipélago dos Açores, do quadrante de oeste-noroeste, passando a noroeste com altura significativa que pode chegar aos 8 metros no final da manhã, nas ilhas do grupo ocidental.


No final do dia de quarta-feira a altura significativa das ondas poderá atingir os 10 a 12 metros, em particular na área mais a norte das ilhas do triângulo.


Para o Continente o mau tempo no mar terá especial incidência na quinta-feira.


A Marinha recomenda à comunidade marítima a adoção de medidas de precaução, equacionando, se possível, o regresso antecipado aos portos de abrigo.


À população em geral é recomendado que se abstenham, em absoluto, de se deslocarem até à orla costeira exposta à agitação marítima.


As condições do mar só deverão começar a melhorar a partir da noite e madrugada de sábado.


A Marinha adianta que reforçará o seu dispositivo habitual para a resposta a situações de busca e salvamento no mar, através da presença no grupo central da Região Autónoma dos Açores do navio patrulha oceânico


No Continente terá mais uma corveta na zona marítima do norte, de uma corveta em Sines, de uma fragata em prontidão de 2 horas na Base Naval de Lisboa e de três lanchas de fiscalização rápidas na costa sul do Algarve.


Também a Autoridade Marítima Nacional, através das capitanias dos portos, das estações salva-vidas e dos meios marítimos da Polícia Marítima manter-se-ão em elevado estado de prontidão e de prevenção, prontas a responder a situações que impliquem a sua pronta intervenção.


GC // JPF

By Impala News / Lusa


RELACIONADOS

Marinha Portuguesa alerta para agravamento severo do estado do mar a partir de quarta-feira

A Marinha Portuguesa e a Autoridade Marítima Nacional alertaram hoje para o agravamento severo do estado do mar a partir de quarta-feira, nos Açores, e de quinta-feira, no Continente, aconselhando a tomada de medidas de prevenção.