Pedro Crispim A foto da infância e os dias “de um vazio imenso e de um silêncio desesperante”

Pedro Crispim assinala a chegada aos 42 anos com uma reflexão sobre o forma como encara a vida depois de ter passado por momentos menos positivos. O comentador do “Big Brother” faz acompanhar o desabafo com uma foto da sua infância.

Pedro Crispim A foto da infância e os dias

Pedro Crispim A foto da infância e os dias “de um vazio imenso e de um silêncio desesperante”

Pedro Crispim assinala a chegada aos 42 anos com uma reflexão sobre o forma como encara a vida depois de ter passado por momentos menos positivos. O comentador do “Big Brother” faz acompanhar o desabafo com uma foto da sua infância.

Pedro Crispim aproveitou este sábado, dia em que celebra 42 anos, para partilhar uma reflexão sobre a forma como encara a vida depois de a sua adolescência ter sido marcada por momentos menos positivos. O comentador do “Big Brother“, da TVI, admite que, apesar de sentir que “os anos passaram depressa, de tão cheios os dias”, houve alturas em que “sucedeu o contrário” e esses mesmos dias “eram de um vazio imenso e de um silêncio desesperante”.

Agora, diz numa publicação feita nas redes sociais e que fez acompanhar de uma fotografia sua de quando era criança, vive “intensamente cada segundo”. “O resto vai ficando algures pelo caminho, onde é o seu lugar”, dita Pedro Crispim. “Não largo quando acredito, não deixo quando sinto (e sinto muito), mesmo que o Mundo me diga uma e outra vez para deixar de sonhar e me tente fazer desistir. O meu caminho esse será sempre em frente, focado e com memória. Memória essa que me serve de bússola em tudo aquilo que faço”, acrescenta.

Veja a notícia completa aqui

Notícia www.novagente.pt

Impala Instagram


RELACIONADOS