Impala

6 truques para acabar com a BARRIGA INCHADA

Seja por excesso de gordura, por acumulação de gases, por retenção de líquidos ou problemas intestinais, a verdade é que o efeito de inchaço abdominal é incómodo, doloroso e esteticamente feio. E DEPOIS das FESTAS? Pior, não é…? Segundo Lilian Barros, no Natal é difícil evitar alguns alimentos-chave que provocam inchaço, mas após as festas é fundamental privar-se de outros. A saber: “Lactose, couves, leguminosas como feijão, grão, ou álcool”.

Os excessos alimentares são o lado negativo da época festiva. Sabem bem, são irresistíveis, mas têm o senão de tornar a nossa barriga inchada. Para além do que consumimos no Natal e no réveillon, é um facto que, enquanto vamos envelhecendo, acabamos por ver o nosso metabolismo desacelerar, tendemos a fazer menos exercício e, consequentemente, vemos a nossa barriga ficar mais inchada. São muitas as causas que podem provocar este efeito, mas também são muitas as medidas que podemos seguir para evitar este incómodo, que prejudica a nossa saúde e estética.

Excessos alimentares são o lado pior do Natal

Quer reduzir a barriga e acabar com o inchaço abdominal? Siga estes conselhos – 1. Reduza o consumo de gorduras saturadas. 2. Reduza os açúcares. 3. Reduza o sal. 4. Consuma aveia. É rica em fibra e proteínas e contribui para reduzir a absorção das gorduras no organismo enquanto favorece a eliminação de toxinas. 5. Aposte nos frutos secos. Estes são calóricos, é certo, mas têm muita proteína e fibra, por isso ajudam a reduzir o apetite. 6. Alie-se aos citrinos, uma vez que contêm vitamina C, um nutriente imprescindível para evitar a gordura, especialmente na zona abdominal.


RELACIONADOS

6 truques para acabar com a BARRIGA INCHADA

Seja por excesso de gordura, por acumulação de gases, por retenção de líquidos ou problemas intestinais, a verdade é que o efeito de inchaço abdominal é incómodo, doloroso e esteticamente feio. E DEPOIS das FESTAS? Pior, não é…? Segundo Lilian Barros, no Natal é difícil evitar alguns alimentos-chave que provocam inchaço, mas após as festas é fundamental privar-se de outros. A saber: “Lactose, couves, leguminosas como feijão, grão, ou álcool”.