Sporting perde patrocinador. Leia o comunicado

Sporting perde patrocinador. Leia o comunicado

Grupovarius, que apoia o judo, quer rescindir o contrato. Leia o comunicado na íntegra

O Grupovarius, empresa que apoia o judo do Sporting, anunciou que quer desassociar-se dos verdes e brancos. Num comunicado partilhado na página de Facebook, critica a posição tomada por Bruno de Carvalho e refere que «irá desencadear os mecanismos legais de forma a desvincular-se como principal sponsor do Judo do Sporting clube de Portugal»

 

LEIA O COMUNICADO NA ÍNTEGRA:

«Após as declarações desta noite e face ao discurso transmitido pela comissão executiva da SAD do Sporting clube de Portugal e membros dos órgãos sociais, o Grupovarius informa que irá desencadear os mecanismos legais de forma a desvincular-se como principal sponsor do Judo do Sporting clube de Portugal, bem como de qualquer outros compromissos e relações entre as partes.

A comissão executiva do Sporting clube de Portugal deveria ter-se demitido, elevando assim os superiores interesses do clube e dos sócios.

Uma vez que isso não sucedeu e a arrogância e prepotência falaram mais alto, não existem condições para continuar ligados a uma imagem de violência, escândalos e incongruências.

Após o violento acto criminoso de violência, agressões e incidentes dramáticos que aconteceram esta semana na Academia de Alcochete, e após as demissões em catapulta dos vários membros pertencentes aos órgãos sociais e direcção, a verdade é que nas declarações de hoje o Presidente em momento algum se referiu a tudo o que se passou.

As declarações e a forma ligeira como se referiu ao anteriormente,

“Foi chato, mas amanhã é um novo dia e temos de perceber que o crime faz parte do dia-a-dia e tem de ser punido no local certo”

Agora o Vice Presidente diz:

“Esperamos conhecer muito brevemente os responsáveis pelo ato hediondo e de TERRORISMO, repito TERRORISMO, que manchou o nome da SAD e do presidente”

Ou seja ou é chato e faz parte do dia a dia ou mancha o nome da SAD ou do Presidente!

Como é possível pactuar com isto?

Então e os jogadores que foram agredidos?

Então a equipa técnica que foi agredida?

E a dignidade da instituição Sporting clube de Portugal e os seus sócios?

Falam sobre atenuantes que existiram sobre potenciais expulsões de sócios? Com que objectivo?

O discurso foi completamente inapropriado para o actual momento, relevando assim todos os acontecimentos gravísimos, em prol da incoerência absurda nas palavras e conteúdo, e que jamais acreditei ser possível alguém proferir.

É uma vergonha continuarem a prejudicar o clube, envergonhar os patrocinadores, apoiantes, sócios e adeptos, e não perceberem que a possibilidade da falência da SAD é uma realidade muito próxima.

Pessoalmente e uma vez que pessoalmente e em meu nome pessoal, fiz parte da comissão de honra da candidatura.

Por esse motivo peço humildemente desculpa a todos os Sportinguistas, por não ter tido a visão nem o discernimento de perceber que a minoria tinha razão, em razão ao actual Presidente, que a única coisa que sabe fazer é ofender desde o Presidente da República ao anónimo e desconhecido.

Quero deixar um enorme abraço ao Mestre de Judo, à sua equipa técnica e a todos os atletas com que tivemos o prazer de conhecer e apoiar, e dizer que lamentamos, no entanto tenho a certeza que compreendem a nossa decisão.

Como sócio com o número 10.384 tenho uma enorme vergonha do actual momento e vejo um futuro muito negro.

Como Presidente executivo do Grupovarius crítico e repúdio veementemente as declarações proferidas hoje bem como os actos que aconteceram recentemente.»


RELACIONADOS