Sporting: O dia seguinte. Direção do Sporting pede Assembleia Geral extraordinária

Sporting: O dia seguinte. Direção do Sporting pede Assembleia Geral extraordinária

As autoridades estiveram esta manhã a realizar buscas no estádio de Alvalade. Durante o dia também surgem vários desenvolvimentos sobre as agressões ao staff do Sporting em Alcochete.

21h12- Novo comunicado do Sporting. A última alínea da nota aponta a uma Assmbleia Geral Extraordinária “a ser marcada o mais rápido possível”. O pedido da SAD já terá sido enviado ao presidente da mesa, Jaime Marta Soares.

21h03- Apesar dos acontecimentos ocorridos, a SAD do Sporting garante que, formalmente, “não há qualquer suspensão ou rescisão do vínculo laboral de qualquer dos elementos da equipa técnica” ou do plantel. Num comunicado enviado à CMVM ao final da tarde desta quarta-feira, o Sporting indica ainda que “não foi manifestada qualquer intenção de rescisão dos contratos de trabalho por parte de qualquer jogador”.

20h36– Novas medidas de coação aos 23 agressores já detidos após a invasão violenta a Alcochete serão conhecidas amanhã (quinta-feira, 16 de maio), pelas 10h da manhã, no tribunal do Barreiro. Esta tarde, os indivíduos detidos foram identificados e estava previsto que fossem interrogados no momento. Dado ao grande número de pessoas no caso, o processo irá continuar no dia seguinte e, no final, são conhecidas as medidas de coação.

19h30- André Geraldes e os outros três detidos esta manhã em Alvalade, já estão na PJ do Porto. Todos irão pernoitar nas instalações. Os detidos são André Geraldes (diretor do futebol do Sporting), Gonçalo Rodrigues (funcionário do Sporting que suspendeu funções esta terça-feira), Paulo Silva (o denunciante deste esquema) e João Gonçalves (o intermediário).

Os quatro detidos serão ouvidos amanhã por um juiz do Tribunal de Instrução Criminal e também, diz o Record, terá a assistência judicial da Liga de Clubes.

No caso do andebol (referente à época 2016/2017), denominado como ‘CashBall’, está em causa um alegado esquema de corrupção de árbitros que pode também estender-se ao futebol. O jornal Record diz saber os seis jogos do Sporting a serem investigados: V. Guimarães, Feirense, Chaves, Tondela, Aves e Estoril. Todos nesta temporada.

19h08- O FC Porto fala do caso do Sporting, mas atirando-se logo ao Benfica. Os novos campeões nacionais dizem em comunicado: “O FC Porto repudia mais um expediente usado pelo SL Benfica que, aproveitando-se das investigações a cargo da Polícia Judiciária sobre alegados atos de corrupção desportiva da Sporting SAD, tenta desesperadamente ressuscitar a sua velha tese de vítima no caso dos e-mails divulgados pelo nosso Diretor de Comunicação através do Porto Canal” e recorre ao caso dos e-mails cujo, para os portistas, “é de toda a evidência péssimo para o futebol e o desporto português em geral, não pelo modo como foi divulgado ou pela forma como foram obtidas as informações, mas sim pelos indícios criminosos que os conteúdos desses mesmo e-mails contêm. E tanto assim é que estão sob investigação judicial e até já fizeram detidos em correlação com o tenebroso caso denominado e-toupeira em que o Estado de Direito foi violado.”

18h55- Invasores de Alcochete indiciados por associação criminosa, avança o Jornal de Notícias. O Ministério Público também diz em comunicado:

“Em causa estão factos suscetíveis de integrarem os crimes de introdução em lugar vedado ao público, ameaça agravada, ofensa à integridade física qualificada, sequestro, dano com violência, detenção de arma proibida agravado, incêndio florestal, resistência e coação sobre funcionário e também de um crime de terrorismo.”

18h49- O Desportivo das Aves deixou a Vila das Aves e ruma a Peniche para realizar estágio de preparação para a final da Taça de Portugal, este domingo, no Estádio Nacional do Jamor, em Oeiras.

18H19- Do outro lado da 2ª Circular, o Benfica já reagiu às acusações de corrupção que envolvem o Sporting.

18H09- O repúdio prossegue. Desta vez é da parte do Instituto Português do Desporto e da Juventude. O organismo exige justiça e um “castigo exemplar” aos culpados. Em comunicado, Plano Nacional de Ética no Desporto (PNED), uma iniciativa governamental sediada no IPDJ, diz que estamos perante “o mais lamentável acontecimento algum dia ocorrido, no futebol português e no desporto nacionais”.

17H59- O jornal O Jogo adiantou que a NOS estava a proceder rescindir o contrato de imagem com o Sporting. A operadora negou essa possibilidade e a concorrente Altice reagiu minutos antes aos incidentes em Alcochete.

17h13- António Costa também já reagiu. O primeiro-ministro diz  que “estas situações ocorrem porque houve uma inflamação de comportamentos que são inaceitáveis” e ainda apelou: “desporto não pode ser a promoção da selvajaria como vimos”. Ainda assim, crê na realização pacífica da final da Taça de Portugal.

O chefe de Estado admitiu a criação de um organismo de segurança nacional e um “quadro legislativo” contra a violência no desporto que permita agir também nestas situações.

17h06- O Presidente da Assembleia da República culpa Bruno de Carvalho no Parlamento.

16h57- Veja como ficou um dos jogadores do Sporting na última noite, após os incidentes inesperados em Alcochete.

16h45- Casillas mostra-se solidário com o plantel do Sporting. É a primeira figura de um clube rival a pronunciar-se sobre o caso de violência que está a marcar a atualidade nacional nas últimas horas.

16h20- O Vitória de Guimarães reagiu às suspeitas de corrupção no jogo que teve com o Sporting esta temporada. Num texto assinado pelo presidente Júlio Mendes, “o Vitória Sport Clube vem manifestar a sua total surpresa e estupefação perante os factos hoje trazidos a público pela comunicação social nacional e esclarece […] que repudia, de forma veemente, a prática de qualquer acto que prejudique a verdade desportiva e extrairá as devidas consequências junto de todo e qualquer agente desportivo que se venha a demonstrar ter praticado tais actos ou que ponham em causa o bom nome e a credibilidade de uma instituição quase centenária e que se orgulha de ser uma referência desportiva nacional”.

Além disso, o clube da cidade berço “exige uma rápida, enérgica e eficiente intervenção dos órgãos judiciais competentes, mostrando-se totalmente ao dispor para o que venha a ser entendido como necessário”.

16H14- Os 23 adeptos detidos nas invasões à Academia de Alcochete estão a chegar gradualmente ao Tribunal do Barreiro sob um forte contingente policial. A grande maioria dos indivíduos, alguns com roupas alusivas ao Sporting e respetivas claques, entraram no edifício com o rosto tapado. Ouviam-se populares, presumíveis familiares dos detidos a apoiar

Logo quando foram apanhados pelas autoridades, a coação automática aos criminosos é o termo de identidade e residência.

Estes adeptos poderão ser acusados de crimes como agressão violenta, uso de armas brancas e invasão de propriedade privada. Segundo o tribunal aos jornalistas, a diligência não tem hora marcada para começar, muito menos para terminar, mas as informações irão chegar.

16H05- Ouça as escutas que podem estar a motivar a investigação policial em Alvalade [vídeo].

15H46- Sporting confirma buscas em Alvalade e «dois colaboradores constituídos arguidos».

O Sporting confirmou em comunicado que ocorrem buscas policiais no Estádio José Alvalade XXI e adianta que estão dois colaboradores constituídos como arguidos, não mencionando o nome dos mesmos.

O clube refere que confia na justiça e diz estar a colaborar nas investigações.

15h15- A CMVM quer ouvir a SAD do Sporting.

15H00– Sporting: suspeitas de corrupção estendem-se ao Futebol [as escutas a Paulo Silva]

14h30- Sporting: Jogadores agredidos dizem não ter «condições psicológicas» para «retomarem atividade». Os jogadores que foram agredidos ontem em Alcochete emitiram um comunicado. Leia aqui. 

13h30–  Famosos reagem ao caso de violência em Alcochete

13h13- GNR fez 23 detenções, apreendeu 5 viaturas e recolheu 36 depoimentos. A GNR anunciou hoje que efetuou 23 detenções, apreendeu cinco viaturas e recolheu depoimentos de 36 pessoas, entre jogadores, equipa técnica, funcionários e vigilantes ao serviço do Sporting, na sequência da invasão à academia do clube, em Alcochete.

13h05- Marcelo Rebelo de Sousa não confirma se vai à final da Taça de Portugal

13h02- Jogadores do Sporting vão jogar a final da Taça

12H40- Acuña e Battaglia querem rescindir

11h39– Marcelo Rebelo de Sousa reage.

«Ontem tive o sentimento de alguém que se sente vexado pela imagem projetada por Portugal no mundo. Vexado pela gravidade do que aconteceu. E as reações que tive de fora, infelizmente, foram nesse sentido«, disse Marcelo Rebelo de Sousa esta quarta-feira sobre as agressões.

11h26– André Geraldes está entre os quatro detidos no âmbito da Operação Cash-Ball

11:20Já há quatro detidos na sequência das buscas feitas esta manhã na SAD do Sporting, avança o Correio da Manhã.

10h45- Jogadores do Sporting vão reunir-se com Sindicato e só regressam aos treinos sexta-feira. Depois de Jorge Jesus cancelar o treino desta quarta-feira sabe-se que o Sporting só irá treinar na sexta-feira e que irá reunir-se com o sindicato

10h00- Bruno Fernandes quer sair e já deu instruções à família para abandonar Lisboa. O jornal Record avança que o médio dos leões já terá avisado a família para abandonar a capital e dirigir-se para o Porto. Bruno Fernandes foi um dos mais afetados pelas agressões. O nosso site já tinha avançado ontem que os jogadores estrangeiros queriam abandonar o país, ao passo que os nacionais procuravam segurança em habitações fora da capital.

9h10– PJ avança com buscas na SAD do Sporting. 

Trata-se de uma operação policial que está a ser realizada na sequência de uma investigação à alegada corrupção desportiva no Sporting, que se foca na eventual compra de árbitros no andebol.

9h07- Juventude Leonina lamenta agressões e rejeita responsabilidades em Alcochete

8h56 – Jorge Jesus cancela treino após ataque em Alcochete. O treinador Jorge Jesus cancelou o treino que estava previsto para esta quarta-feira de manhã, devido “massacre, físico e psicólogico, a que a equipa foi sujeita”.


RELACIONADOS

Sporting: O dia seguinte. Direção do Sporting pede Assembleia Geral extraordinária

As autoridades estiveram esta manhã a realizar buscas no estádio de Alvalade. Durante o dia também surgem vários desenvolvimentos sobre as agressões ao staff do Sporting em Alcochete.