Sporting: Presidente da Assembleia da República culpa Bruno de Carvalho

Sporting: Presidente da Assembleia da República culpa Bruno de Carvalho

Ferro Rodrigues é sócio do Sporting há 68 anos e ex-membro do Conselho Leonino.

Presidente da Assembleia da República, Ferro Rodrigues, responsabiliza o atual presidente do Sporting, Bruno Carvalho, pelos incidentes ocorridos esta terça-feira na Academia de Alcochete. Aí, entre 40 a 50 “adeptos” vandalizaram o balneário dos futebolistas leoninos e agrediram-os.

O plantel apresentou queixa na GNR do Montijo, recusando reunir com o presidente do clube.

“Este não foi um caso de polícia. Foi um caso gravíssimo que coloca em causa o desporto português, o Sporting Clube de Portugal e o país”, reiterou Ferro Rodrigues visando Bruno de Carvalho

“Não pode ficar impune quem deu passos decisivos para que esta situação gravíssima viesse a acontecer”, atirou Ferro Rodrigues, fazendo referência a Bruno de Carvalho, durante a uma posição oficial do Parlamento, onde todas as discussões estão marcadas pelo clima de violência que se avolumou esta terça-feira, na Academia Sporting.

Num tom forte, o Presidente da Assembleia da República acrescentou: “É bom que as autoridades judiciais, sempre prontas para investigar os políticos, investiguem os dirigentes do futebol português e os do Sporting, pela miséria em que o clube está”.

Sobre a final da Taça de Portugal, este domingo às 17h15, diante do Desportivo da Aves, Ferro Rodrigues apresenta o panorama: “A organização da final da Taça é da responsabilidade da Federação Portuguesa de Futebol. Mas não me chocaria que fosse feita à porta fechada ou na Vila das Aves”.

ACOMPANHE AO MINUTO: Sporting: O dia seguinte à invasão violenta a Alcochete. 


RELACIONADOS