Sporting: Jorge Jesus terá provas de que Bruno de Carvalho esteve implicado no ataque em Alcochete

O treinador dos leões, Jorge Jesus acredita que Bruno de Carvalho deu luz verde à Juventude Leonina para «apertarem» com jogadores do Sporting

Jorge Jesus, treinador do Sporting, está alegadamente convicto de que o presidente dos leões, Bruno de Carvalho, esteve envolvido no ataque que ocorreu na passada terça-feira, dia 15 de maio, na Academia do Sporting, em Alcochete, avança o Público.

LEIA MAIS: Ataque na Academia do Sporting: «Vamos matar-vos! Não ganhem no domingo que vão ver»

O treinador dos verdes e brancos terá inclusive, na sua possa, provas de que Bruno de Carvalho contactou os líderes da Juventude Leonina para elementos da claque «apertarem» com os jogadores e com a equipa técnica do Sporting.

Jorge Jesus
Jorge Jesus após agressões em Alcochete

Estas comunicações terão ocorrido no dia 6 de abril, após o clube dos leões ter perdido contra o Real Madrid, num jogo disputado para a Liga Europa. As provas que alegadamente Jesus detém destes contactos poderão ser apresentadas às autoridades caso o treinador e a direcção não cheguem a um acordo e Bruno de Carvalho rescinda o contrato com Jesus.

O treinador dos verdes e brancos pensa em encontrar-se com o presidente, durante a próxima semana.

VEJA AINDA: Sporting: Em pânico, família de Jorge Jesus decide mudar de casa após agressões


RELACIONADOS

Sporting: Jorge Jesus terá provas de que Bruno de Carvalho esteve implicado no ataque em Alcochete

O treinador dos leões, Jorge Jesus acredita que Bruno de Carvalho deu luz verde à Juventude Leonina para «apertarem» com jogadores do Sporting