Impala

Couceiro diz que meia-final da Taça da Liga com Braga será decidida por pormenores

O treinador do Vitória de Setúbal disse que a partida de quarta-feira da ‘final four’ da Taça de Liga de futebol, frente ao Sporting de Braga, que se disputa no Estádio Algarve, será decidida nos pormenores.

Faro, 24 jan (Lusa) – O treinador do Vitória de Setúbal disse hoje que a partida de quarta-feira da ‘final four’ da Taça de Liga de futebol, frente ao Sporting de Braga, que se disputa no Estádio Algarve, será decidida nos pormenores.


“Penso que, amanhã [quarta-feira], as probabilidades de ser um jogo equilibrado e ser decidido em pequenos pormenores são muito grandes e nós tudo faremos para, no domingo, estarmos na final e oferecermos essa final aos nossos adeptos”, disse José Couceiro na conferência de imprensa de antevisão à partida, realizada no Estádio Algarve.


O Vitória regressa a um palco onde, em 2008, venceu a 1.ª edição da Taça da Liga, ao bater o Sporting nas grandes penalidades (3-2), depois do 0-0 no tempo regulamentar, e o técnico dos sadinos lembrou o percurso do clube nas taças para chamar os seus simpatizantes ao recinto.


“Para a cidade de Setúbal, para o Vitória, as taças têm sempre um valor acrescido e gostávamos que [os adeptos] estivessem cá em peso amanhã e nos pudessem ajudar, porque ninguém joga finais sem ganhar meias-finais”, assinalou.


José Couceiro reconheceu que a derrota de domingo do Sporting de Braga no dérbi minhoto com o Vitória de Guimarães (0-2), para o campeonato, não ajuda o seu clube, porque o adversário “vem com mais vontade” de mostrar o seu valor, mas desvalorizou um eventual mau momento dos bracarenses.


“O Sporting de Braga não está num momento mau, perdeu um jogo. Está no terceiro lugar, posição que dá acesso a uma pré-qualificação da Liga dos Campeões. Não podemos menorizar o valor do Sporting de Braga”, afirmou.


O técnico do Vitória de Setúbal considerou “interessante” o modelo de ‘final four’ e também partilhou a opinião de que o vencedor da prova deve garantir a qualificação para as competições europeias.


“Seria um incentivo para valorizar esta competição. Seria importante valorizar uma terceira competição. Não sou defensor de um modelo que não provoque o equilíbrio. Acho que o sucesso do futebol é o equilíbrio”, disse José Couceiro, deixando um recado para os clubes ‘grandes’.


“Nem os grandes clubes percebem que eles três sozinhos não conseguem fazer um campeonato. É preciso que todos os outros funcionem e é bom, com esta competição, que se comece a perceber que o modelo futuro de uma competição profissional passa pelo equilíbrio entre os contendores, sabendo nós que os maiores serão sempre maiores, terão sempre mais recursos, porque têm dimensão superior. Mas esta ‘décalage’ que existe entre os maiores e os mais pequenos é, de facto, abismal”, salientou.


A partida entre Vitória de Setúbal e Sporting de Braga, marcada para as 20:45 de quarta-feira, será arbitrada por Carlos Xistra (Castelo Branco).



EYP/JPC // NF

By Impala News / Lusa


RELACIONADOS

Couceiro diz que meia-final da Taça da Liga com Braga será decidida por pormenores

O treinador do Vitória de Setúbal disse que a partida de quarta-feira da ‘final four’ da Taça de Liga de futebol, frente ao Sporting de Braga, que se disputa no Estádio Algarve, será decidida nos pormenores.