Impala

Acidente/Colômbia: Hospedeira foi a última sobrevivente a regressar a casa

A hospedeira Ximena Suárez, sobrevivente da queda do avião da Lamia que causou a morte de 71 pessoas, recebeu alta médica e regressou à Bolívia, informou a clínica colombiana onde esteve internada.

Rionegro, Colômbia, 18 dez (Lusa) — A hospedeira Ximena Suárez, sobrevivente da queda do avião da Lamia que causou a morte de 71 pessoas, recebeu alta médica e regressou à Bolívia, informou hoje a clínica colombiana onde esteve internada.


De acordo com Ana María González, a diretora clínica da Clínica Somer de Rionegro, Suárez, a última dos seis sobreviventes a regressar ao seu país, registou uma “evolução médica satisfatória”, o que lhe permite ir diretamente para a sua casa em Santa Cruz de la Sierra (Bolívia).


A hospedeira da companhia boliviana Lamia gravou um vídeo de agradecimento ao povo colombiano, assegurando que regressava feliz ao seu país.


“Agradeço a Deus por uma nova oportunidade de vida, a todo o povo colombiano, a todos aqueles que estiveram presentes no meu resgate e à clínica pelo excelente atendimento”, disse.


A 29 de novembro, a queda do avião da companhia boliviana Lamia perto de Medellín (Colômbia) causou a morte a 71 das 77 pessoas que seguiam a bordo, incluindo a maioria dos jogadores da Chapecoense, dirigentes e jornalistas que acompanhavam a equipa de futebol brasileira, que se preparava para disputar a primeira mão da final da Taça sul-americana com os colombianos do Atlético Nacional.



AMG // NFO


Lusa/fim


RELACIONADOS

Acidente/Colômbia: Hospedeira foi a última sobrevivente a regressar a casa

A hospedeira Ximena Suárez, sobrevivente da queda do avião da Lamia que causou a morte de 71 pessoas, recebeu alta médica e regressou à Bolívia, informou a clínica colombiana onde esteve internada.